Café: Após recorde em 2015, exportações do Brasil caem mais de 16% em janeiro, aponta Secex

Publicado em 02/02/2016 10:09
93 exibições

Os embarques de café em grão do Brasil totalizaram no mês de janeiro (20 dias úteis) 2,48 milhões de sacas de 60 kg, com receita de US$ 363,4 milhões. Comparando esses dados com o volume exportado pelo País em dezembro de 2015 (2,98 milhões de sacas), houve uma queda de 16,78%. Os dados foram divulgados na segunda-feira (1º) pela Secretaria de Comércio Exterior (Secex), do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC).

Nos 22 dias úteis de dezembro, os embarques de café do Brasil registraram 2,98 milhões de sacas, com receita de US$ 449,8 milhões. Já em janeiro de 2015 (21 dias úteis), o volume exportado de café pelo Brasil foi de 2,72 milhões de sacas, com US$ 546,3 milhões.

Vale lembrar que muitos especialistas já têm levantado um possível desequilíbrio entre oferta e demanda no mercado. O banco ABN Amro, por exemplo, estima que o consumo da commodity possa exceder a oferta em mais de 4% neste ano.

Em entrevista exclusiva ao Notícias Agrícolas, o presidente do CNC (Conselho Nacional do Café), Silas Brasileiro informou que estoques de passagem brasileiros, que conseguiram sustentar os bons volumes exportados nos últimos anos mesmo com safras seguidas em queda do Brasil, devem chegar em março deste ano no menor volume da história, entre 4 e 5 milhões de sacas de 60 kg.

Em 2015, o Brasil bateu recorde nas exportações de café pelo segundo ano consecutivo, com volume de 37,12 milhões de sacas. Desse total, a quantidade de café verde foi de 33,41 milhões de sacas de 60 kg; de café solúvel, 3,38 milhões de sacas; e de torrado e moído, 33,31 mil sacas. Nos anos de 2013 e 2014 foram exportadas 32,01 e 36,73 milhões de sacas, respectivamente.

Tags:
Por: Jhonatas Simião
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário