BOI GORDO: Maior oferta de fêmeas continua pressionando mercado

Publicado em 02/03/2012 17:03 e atualizado em 05/03/2012 10:35 1328 exibições
Gustavo Adolpho Maranhão Aguiar
zootecnista
Scot Consultoria

Oferta de fêmeas continua sendo um dos mais importantes fatores de pressão no mercado.

Porém, para o fechamento de hoje somente alterações pontuais. Ao que tudo indica, os preços encontraram um piso para o curto prazo.

Em São Paulo as referências para o boi e para a vaca estão estáveis. As escalas estão heterogêneas e a programação média atende quatro dias.

Apesar da grande variação, a maioria dos frigoríficos está finalizando a programação da semana que vem.

Para o mercado de carne bovina sem osso, o dianteiro conseguiu escoamento melhor quando comparado com o traseiro e a ponta de agulha.

Para a próxima semana a movimentação da carne pode dar fôlego ao mercado.  

A boa notícia vem do lado do frango, que teve reajustes sucessivos nos últimos dias, encurtando a diferença em relação à carne bovina.

Clique aqui e confira as cotações do boi.

Fonte:
Scot Consultoria

0 comentário