BOI: Dificuldade para impor preços menores à arroba aumenta

Publicado em 22/03/2012 16:47 e atualizado em 22/03/2012 17:42 989 exibições
Alex Santos Lopes da Silva
zootecnista
Scot Consultoria

As dificuldades para escoar a produção e o aumento na oferta de fêmeas continuam a pressionar o mercado, mas está mais difícil impor os preços menores para a arroba.

Este cenário se reflete na estabilidade dos preços no Centro-sul do país.

Em São Paulo as ofertas de compra variam de R$91,00/@ a R$96,00/@, à vista, livre de funrural, embora as tentativas de compra em valores menores tenham diminuído.

As escalas atendem de 3 a 4 dias, em média. Mas há frigoríficos comprando para os abates do início da próxima semana.

Isso mostra como aumentou a dificuldade para comprar no estado.

Muitas indústrias paulistas têm feito suas programações de abate com animais negociados em Goiás e no Mato Grosso do Sul, onde a oferta de boiadas é maior.

Já no Norte e Nordeste, que vinham até o momento com mercado firme e oferta de animais terminados menor que nas demais regiões, os frigoríficos conseguiram alongar as escalas nos últimos dias e houve queda nos preços em Redenção – PA, Norte do Tocantins e Sul da Bahia.

No mercado atacadista de carne bovina, o escoamento continua difícil para as carnes de traseiro, embora o dianteiro tenha apresentado ligeira recuperação.

Fonte:
Scot Consultoria

0 comentário