BOI: Indústrias compram boiadas para terminar abates da próxima semana

Publicado em 08/11/2012 16:02 e atualizado em 08/11/2012 16:39 906 exibições
Alex Santos Lopes da Silva
zootecnista
Scot Consultoria


Mercado firme e especulado.

Em São Paulo a cada dia surgem ofertas maiores de compra por parte dos frigoríficos. Há quem pague R$100,00/@ à vista, embora este preço não seja referência.

Grande parte das indústrias compram boiadas para terminar os abates da próxima semana.

São Paulo talvez seja a praça do Centro-Sul onde a situação de compra é mais confortável. A oferta de boiadas dos estados vizinhos, que soma aos negócios no mercado a termo e de confinamentos próprios, favorece esta situação.

Em Goiás, mesmo sendo o maior confinador do Brasil, as escalas de abate atendem o início da próxima semana.

Das praças vizinhas a São Paulo, a arroba mais barata é a do Triângulo Mineiro. Este cenário tem feito os compradores paulistas intensificarem as compras nesta praça.

No norte do país, o clima está seco e a dificuldade de compra é grande.

No mercado atacadista de carne bovina com osso, os preços de todas as peças se recuperaram, o que ajudou a dar mais força ao mercado do boi gordo.

Clique aqui e confira as cotações do boi.
Fonte:
Scot Consultoria

0 comentário