BOI: Oferta aumenta, mas escoamento da carne não se recupera

Publicado em 06/12/2012 16:03 587 exibições
Alex Santos Lopes da Silva
zootecnista
Scot Consultoria

A oferta de boiadas aumentou e o escoamento da produção não se recupera.

Em São Paulo, pelo terceiro dia seguido houve recuo nas cotações do boi gordo. A maioria dos negócios no estado ocorre em R$96,00/@, à vista, com relatos de ofertas pontuais acima deste valor.

Em São Paulo, as escalas de abate estão bastante heterogêneas, porém confortáveis na média do mercado.  

Existem ainda indústrias ofertando até R$3,00/@ abaixo, porém, o mercado trava.

As escalas de abate atendem a cinco dias, em média, mas a situação é heterogênea.

Apesar da pressão de baixa, os recuos foram pontuais. Existe certa resistência para entregar nos valores menores.

Diversos negócios estão sendo fechados abaixo da referência na maioria das praças.

No Mato Grosso do sul, por exemplo, aos poucos as compras a R$90,00/@ à vista, têm sido mais frequentes.

No atacado de carne bovina, a dificuldade nas vendas continua, mesmo com o efeito do décimo terceiro salário e bonificações, somados ao pagamento regular de salário no início do mês.

Clique aqui e confira as cotações do mercado do boi.

Fonte:
Scot Consultoria

0 comentário