Boi Gordo: Oferta restrita de animais faz frigoríficos ofertarem valores maiores pela arroba

Publicado em 27/08/2014 17:00 e atualizado em 28/08/2014 09:42 833 exibições

Maisa Módolo
engenheira agrônoma
Scot Consultoria


Persiste a dificuldade na aquisição de bovinos terminados em todo o país. As compras são feitas em pequenos lotes.

Há resistência do pecuarista em entregar os animais nos preços vigentes, o que muitas vezes trava os negócios.

Boa parte dos frigoríficos iniciou o dia ofertando valores maiores pela arroba do boi gordo, na tentativa de preencher as programações.

As indústrias trabalham com escalas reduzidas e diminuíram os abates, cenário influenciado tanto pela oferta restrita como pelo escoamento fraco da carne.

No Rio Grande do Sul, região de Pelotas, a melhora da oferta de animais esta semana ocasionou queda na cotação. No entanto, não há volume abundante de animais.

No mercado atacadista de carne com osso, as vendas estão lentas esta semana.

Embora os estoques estejam apertados, não estão descartadas quedas nas cotações, a fim de facilitar as negociações.

Clique AQUI e confira as cotações do boi

Fonte:
Scot Consultoria

2 comentários

  • Izabel Lima Mococa - SP

    Com essa recessão a demanda de boi vai ser mais para exportação...O brasileiro vai ter que esquecer a picanha, franguinho na panela só domingo e leitoa em dia de festa...

    0
  • Lourivaldo Verga Barra do Bugres - MT

    Vivemos num País sem equilíbrio, onde a felicidade de um é a desgraça do outro. Tempos atrás era o produtor regassado por uma política de proteção ao consumidor, para garantir voto e poder: "agora o pobre pode comer filé minhão", enquanto se matava o produtor. Resultado: a produção caiu com o prejuízo e a consequente matança de matrizes.Viu no que deu?

    0