Boi: Frigoríficos preenchem escalas, mas não sobram animais terminados

Publicado em 25/09/2014 17:00 e atualizado em 25/09/2014 18:25 741 exibições

Maisa Módolo
engenheira agrônoma
Scot Consultoria


A ligeira melhora da oferta de animais terminados, desde o início deste mês, favoreceu o alongamento das escalas dos frigoríficos.

Este cenário ocasionou aumentos dos estoques e as vendas não colaboraram.

Não há sobra de animais, mas a oferta preenche moderadamente as escalas. 

Algumas indústrias testam o mercado, ofertando menos pela arroba, o que levou à queda de preços em algumas praças nos últimos dias. 

A fim de não prejudicar mais as vendas, a indústria reduziu os preços da carne com osso. No acumulado do mês, o boi casado de animais castrados caiu 5,8%, de R$ 8,10/kg para R$ 7,63/kg.

Com isso, houve redução da margem de comercialização da indústria. Para o frigorífico que não realiza desossa, a margem está em 13,2%. No início do mês, este índice estava em 19,0%. 

Não há expectativa de melhora nas vendas nos próximos dias.

Clique AQUI e confira as cotações do boi

Fonte:
Scot Consultoria

0 comentário