Análise de mercado do boi gordo

Publicado em 18/03/2010 16:56 866 exibições

Hyberville Paulo D’Athayde Neto<?xml:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

médico veterinário

Scot Consultoria

 

 

 

Mercado segue firme.

 

As cotações em São Paulo estão estáveis. O preço referência permanece em R$78,50/@, a prazo, livre de funrural, sendo que existem negócios em R$79,00/@, nas mesmas condições.

 

Alguns frigoríficos utilizam a estratégia da mudança na forma de pagamento para realizarem negócios (de à vista para a prazo ou vice-versa). As escalas seguem entre 3 e 4 dias.

 

Bois originados dos estados vizinhos ajudam a manter as escalas. No Mato Grosso do Sul, o preço referência segue em R$75,00/@, a prazo, livre de imposto, mas alguns frigoríficos paulistas já negociam R$73,50/@, à vista, livre de impostos.

 

Na contra-mão do mercado no resto do país, houve queda nos preços pagos pelo boi e pela vaca no Rio Grande do Sul. A boa oferta diminuiu os preços em Pelotas – RS, onde paga-se R$2,40/kg pelo boi gordo, a prazo, para descontar o imposto.

 

As vendas de carne no atacado apresentam demanda fraca por traseiro. Já para o dianteiro, a demanda está mais firme, com as exportações ajudando no escoamento.

 

Clique aqui para acessar as cotações do boi gordo

Fonte:
Scot Consultoria

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário