Análise de mercado do boi gordo

Publicado em 08/06/2010 17:10 730 exibições

Alex Santos Lopes da Silva<?xml:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

zootecnista

Scot Consultoria

 


Mercado do boi gordo segue firme <?xml:namespace prefix = st1 ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:smarttags" />em São Paulo.

 

A dificuldade de compra de boiadas continua no estado e, embora o preço de referência permaneça em R$80,50/@, a prazo, livre do funrural, vem aumentando o número de negócios ocorrendo por R$81,00/@, nas mesma condições.

 

A compra de animais nos estados vizinhos permitiu aos frigoríficos de São Paulo trabalharem com escalas de 5 dias, em média. No Mato Grosso do Sul, em função da grande pressão de compra, já começam a aparecer ofertas de até R$78,00/@, à vista, livre do imposto.

 

Em Goiás, alguns frigoríficos já estão escalados para o final da próxima semana e, com isso, os preços recuaram R$1,00/@, tanto na região sul do estado, quanto em Goiânia.

 

Na região de Erechim, no Rio Grande do Sul, o frio já começa a reduzir a qualidade das pastagens e, com isso, a oferta melhorou na região, fragilizando os preços.

 

No mercado atacadista de carne bovina com osso de São Paulo, os preços permanecem estáveis, mas com o consumo sem evolução, algum ajuste pode ocorrer nos próximos dias.

 

Clique aqui e veja as cotações do boi.

Fonte:
Scot Consultoria

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário