Café: Em NY as cotações oscilaram com força nesta semana mais curta, ainda assim o balanço de semana fica positivo em 55 pontos

Publicado em 17/04/2014 18:14 913 exibições

Nesta semana mais curta devido ao feriado de amanhã, sexta-feira santa, as cotações do café nas bolsas de futuro oscilaram com força. Na ICE futures US em Nova Iorque, os contratos de café com vencimento em julho próximo fecharam a segunda-feira com alta de 385 pontos; a terça-feira com baixa de 1235 pontos; ontem, quarta-feira, com baixa de 620 pontos e hoje com alta de 1525 pontos. Com toda a oscilação, o balanço da semana termina positivo em 55 pontos.

Realização de lucros, chuvas sobre algumas regiões cafeeiras e informações conflitantes de importantes lideranças sobre as proporções dos estragos na produção brasileira de café em 2014 e em 2015 levam a essa intensa oscilação nas cotações do café.

O trabalho elaborado pela Fundação PROCAFÉ para o CNC – Conselho Nacional do Café, “Avaliação dos prejuízos causados pela seca de janeiro-fevereiro de 2014, em cafezais na região Centro-Sul, nos Estados de Minas Gerais, São Paulo e Espírito Santo”, está aos poucos conscientizando o mercado brasileiro e o internacional da seriedade dos estragos causados pela seca às safras brasileiras de café 2014 e 2015. Segundo este trabalho, a safra brasileira de café 2014 ficará entre 40,09 e 43,30 milhões de sacas de 60 kgs.

O mercado físico brasileiro pouco trabalhou esta semana. Os compradores diminuíram o valor de suas ofertas acompanhando as baixas de terça e quarta-feira em Nova Iorque e os vendedores recuaram, retirando seus lotes do mercado. Hoje, véspera de um longo feriado no Brasil, com a Páscoa e o feriado nacional na segunda-feira, praticamente não houve tempo para os preços no físico reagirem à forte alta na ICE. No final da tarde, alguns lotes de café arábica de boa qualidade a finos foram fechados com preços entre 480 e 500 reais por saca.

A "Green Coffee Association" divulgou que os estoques americanos de café verde totalizaram 4.958.411 em 31 de março de 2014. Uma alta de 132.307 sacas em relação às 4.826.104 sacas existentes em 28 de fevereiro de 2014.

Até o dia 16, os embarques de abril estavam em 1.018.989 sacas de café arábica, mais 92.426 sacas de café conillon somando 1.111.415 sacas de café verde, mais 41.678 sacas de café solúvel, totalizando 1.153.093 sacas embarcadas, contra 933.329 sacas no mesmo dia de março. Até o dia 16 os pedidos de emissão de certificados de origem para embarque em abril totalizavam 1.700.157 sacas, contra 1.468.241 sacas no mesmo dia do mês anterior.

A bolsa de Nova Iorque – ICE, do fechamento do dia 11, sexta-feira, até o fechamento de hoje, quinta-feira, dia 17, subiu nos contratos para entrega em maio próximo, 55 pontos ou US$ 0,73 (R$ 1,64) por saca. Em reais, as cotações para entrega em julho próximo na ICE fecharam no dia 11 a R$ 595,32 por saca e hoje, dia 17 a R$ 608,27 por saca. Hoje, quinta-feira, nos contratos para entrega em julho, a bolsa de Nova Iorque fechou com alta de 1525 pontos.

Fonte:
Escritório Carvalhaes

2 comentários

  • victor angelo p ferreira victorvapf nepomuceno - MG

    Naquela época tinha um comprador de café aquí em Nepomuceno, Tonico Amarante, que estocava suas compras em seu armazém...Ele me disse: Victor, só com o lucro de uma venda, deu pra comprar um casarão em Lavras, do lado da Matriz, custou-me 6 milhões de cruzeiros...As janelas e as portas todas de pinho de Riga e o porão todo escorado com peças de óleo Bálsamo,,,Vai lá dá uma olhada, o imóvel é da década de vinte e me diz se posso lixar as portas, dizia ele, com os olhos brilhantes inerentes, quando se faz bons negócios...

    Era desta meneira o pipocar de lucros que a geada produziu de uma noite para o dia...Agora os prejuízos causados por aquele fenômeno, a gente omite, a gente procura esquecer...

    0
  • victor angelo p ferreira victorvapf nepomuceno - MG

    Naquela grande geada de 81, eu tinha 200 sacas de café na Cooperativa...O café estava antes dela a 381 cruzeiros a saca...Os preços foram subindo, subindo até atingir o incrivel valor de 4.500 cruzeiros...Depois de atingir este teto, eu mandava vender por preço fixo, pois não fora orientado pelo responsavel pelas vendas, a mandar vender "preço de mercado"...Conclusão: Perdi o pico da venda e somente fui atendido no meu desejo quando o café estava com uma queda. cotado a l.000 e poucos cruzeiros...Deixei de comprar de um apartamento de luxo em Belo Horizonte, com 200 sacas de café...Esta é mais uma estorinha do que acontece neste mercado...Comparar esta crise com aquela da grande geada é mandar os preços do café para patamares incalculáveis... Depois daquilo, venda minha, só por preço de mercado...

    0