Publicidade

FEIJÃO: Feijão preto tem pouca oferta mas demanda não é grande

Publicado em 30/01/2013 14:38 822 exibições
Feijão carioca: A oferta registrada na bolsinha nesta madrugada foi de 10.000 sacas e por volta de 7h30 restavam aproximadamente 4.000 sacas. As referências foram para nota 9,5 R$ 200/215, para nota 8,5 R$ 180/185 e para nota 8 R$ 170/175.

Feijão preto: O feijão preto tem pouca oferta mas a demanda do momento não é grande também. Ontem observamos cerealistas pedirem R$ 135 FOB Paraná feijão com 16/17% de umidade. No porto de Paranaguá a pedida é R$ 145 por feijão chinês. Da Argentina a estiagem que impediu o desenvolvimento da soja vai empurrando os produtores para o plantio de feijão. A duvida é: de onde tirar sementes de feijão se o ano passado a safra foi severamente prejudicada? A disposição de plantar e atender o Brasil existe, mas os desafios também.



Clique aqui para ampliar!



Tags:
Fonte:
Correpar

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

1 comentário

  • José Roberto de Menezes Londrina - PR

    O oportunismo de importadores dos excedentes de feijão velho da China está destruindo o mercado consumidor de feijão preto. Que saudade da feijoada brasileira feita com o feijão preto das cultivares Preto Uberabinha, Rio Tibagi, Rio Iguaçu e Capixaba Precoce. Não se compara o sabor delicioso do caldo achocolatado da verdadeira feijoada brasileira, com o caldo detergente esbranquiçado da sopa de feijão preto chinês.

    0