Feijão: Mercado do preto enfrenta fase ruim este ano. Pouco produto e todo importado

Publicado em 27/08/2013 16:00
795 exibições

Feijão carioca: Nesta madrugada houve oferta de 12.000 sacas e por volta das 7h30 sobras de 4.000 sacas . As referências de hoje são: nota 9 ou melhor R$ 155, R$150 nota 8,5 , R$140 nota 8 e R$120 nota 7 .

Feijão preto: Empacotadores fazem as contas do estoque em mãos e ficam indecisos em como agir. Afinal, ninguém até hoje viu um período  como o que o mercado enfrenta este ano. Pouco produto e todo importado. O desafio é que o empacote entre fim de outubro  e dezembro. Não há grande ânimo em contatar novas importações quando se olha o preço para novos negócios entre US$ 1150/1200 posto Brasil. E ainda tem o dólar oscilante. Negócios no porto acontecem com poucos vendedores ao redor de R$ 165.

Feijão caupi: Com o mercado do carioca em queda livre as vendas de caupi estão paradas. As referências permanecem sendo R$ 50 como máximo para as variedades guariba e nova era, base Sorriso. O dólar em alta facilita aqui as exportações, porém aumenta o risco na Índia.

 

Tags:
Fonte: Correpar

0 comentário