Feijão: Preços reagem e operadores acreditam que há forte tendência de alta

Publicado em 06/10/2016 18:30
551 exibições
O empacotadores perceberam que, mesmo com poucos negócios, o preço pago havia chegado no limite. Comprar a R$ 200,00/210,00 foi como o produtor decidiu que era melhor esperar.

Ontem, para quem tentou comprar um volume maior, algo como 4/5 carretas, ficou difícil.

Ainda que acontecessem negócios desde R$ 220,00, já foram vendidos alguns lotes por R$ 260,00/280,00 em Minas Geras.

Durante o dia de hoje espera-se que aconteça um maior volume de negócios.

Vários operadores dão como certo que os preços têm forte tendência de aumento.

Em São Paulo, na região do Brás, houve oferta de 7.000 sacas e sobravam 3.000 às 7h30. Os preços praticados foram: R$ 275,00 para o nota 9,5/9, R$ 260,00 para o nota 8,5 e R$ 250,00 para o nota 8.

Para saber mais sobre o mercado de feijão acesse o site do IBRAFE
Tags:
Fonte: IBRAFE

Nenhum comentário