Feijão: Comercialização lenta está provocando baixa nos preços em todas as regiões

Publicado em 14/10/2016 17:20
292 exibições
Alguns reclamam que a falta de feijão carioca extra ajuda a manter um mercado de poucos negócios.

Porém, em tempos de vacas magras deveria ser o contrário. Sendo raro, seria disputado. Mas não é.

A comercialização lenta segue provocando baixa dos preços em todas as regiões.

Os preços para um feijão nota 8,5 tem como referência, no momento, R$ 200,00 por saca.

A semana mais chuvosa, principalmente no Estado de São Paulo, não significou, com a diminuição das colheitas, nenhum impacto importante.

Em São Paulo, na região do Brás, a oferta foi de 9.000 sacas e, às 7h30, sobravam 8.000 sacas. Os preços foram R$ 250,00 para nota 9,5/9, R$ 230,00 para nota 8,5 e R$ 220,00 para nota 8.

Para saber mais sobre o mercado de feijão acesse o site do IBRAFE
Tags:
Fonte IBRAFE

Nenhum comentário