Soja: Realizando lucros, cotações ficam pressionadas em Chicago nesta quinta-feira

Publicado em 22/10/2010 07:23
486 exibições
Recuperação do valor do Dólar dos EUA perante outras moedas conversíveis enseja realização de lucros, no pregão futuro de soja, em Chicago.
Clique aqui para ampliar!

Comentário:

Nesta quarta-feira, vinte e um de outubro de 2010, as cotações futuras de soja relativas aos três primeiros vencimentos fecharam com perdas significativas, na Bolsa Mercantil de Chicago (CME), conforme a tabela acima. Essas cotações chegaram a estabelecer nova máxima relativa aos dois últimos anos, no pregão noturno (overnight), mas não resistiram à forte pressão vendedora já na abertura da sessão diurna (pregão de viva-voz). Terminaram fechando no nível mais baixo registrado antes do fechamento.

Nesta data, a recuperação do Dólar dos EUA perante outras moedas conversíveis (vide gráfico abaixo) ensejou o recuo dos preços futuros de diversas commodities (incluindo o ouro e o petróleo) e também o recuo das cotações futuras de soja, em Chicago, em realização de lucros, após os notáveis ganhos registrados na sessão futura da oleaginosa realizada na quarta-feira, vinte de outubro corrente. Aqueles ganhos haviam sido atribuídos justamente à desvalorização do Dólar perante outras moedas.

É preciso ter em mente que o recuo nesta data das cotações futuras de soja ocorreu apesar do impacto positivo resultante do anúncio pelo Departamento de Agricultura dos EUA (USDA) nesta quinta-feira de que os registros de soja norte-americana destinada à exportação efetuadas na semana atingiram o surpreendente total de 2.017.200 toneladas (1.451.000 das quais foram destinadas à China), com respeito à safra 2010/2011, por comparação às expectativas dos participantes do mercado de um total situado no intervalo entre 1,1 a 1,4 milhão de toneladas.
Tags:
Fonte: SojaNet

Nenhum comentário