Soja: Preços encerram com modesta alta nesta terça-feira em Chicago influenciados pela reunião do FED

Publicado em 04/11/2010 07:12
370 exibições
Previsão de excesso de liquidez monetária nos EUA, se confirmada, poderá resultar em desvalorização adicional do Dólar norte-americano e ensejar suporte à soja e a outras commodities futuras.
Clique aqui para ampliar!

Comentário:

As cotações futuras de soja relativas aos três primeiros vencimentos fecharam com ganhos modestos, nesta quarta-feira, três de novembro de 2010, na Bolsa Mercantil de Chicago (CME), conforme a tabela acima. Após o fechamento do pregão futuro da oleaginosa, o Banco Central dos EUA (Federal Reserve Board), através de seu Comitê de Política Monetária (FOMC) anunciou que dispões de reservas de US$600 bilhões que usará para recomprar papéis de emissão do tesouro dos EUA até meados de 2011.

Quase 90 % daqueles recursos serão utilizados para adquirir papéis com maturidades entre 2 ½ anos e 10 anos. A idéia seria de gastar cerca de US$75 bilhões por mês e assim injetar ampla liquidez na economia norte-americana. Esta é uma medida não ortodoxa e criou certa polêmica entre os especialistas norte-americanos. Entretanto, a expectativa parece ser de que o valor do Dólar dos EUA venha a ceder perante outras moedas conversíveis e que os preços futuros de commodities agrícolas, de metais preciosos e de petróleo venham a valorizar-se.

Apesar de terem sido reduzidos os temores de condições climáticas muito adversas nas safras sul-americanas da oleaginosa, há ainda pela frente longo período de crescimento vegetativo das lavouras de soja do Cone Sul, seguido pelo vulnerável período de crescimento reprodutivo. Esses fatores não encorajam os traders a retirar inteiramente os prêmios de risco climático ainda incorporados às cotações futuras de soja, em Chicago.

Os participantes do mercado futuro da oleaginosa aguardam com enorme interesse o próximo Relatório de Oferta e de Demanda Agrícolas Mundiais (WASDE) que o Departamento de Agricultura dos EUA (USDA) irá divulgar na terça-feira, nove de novembro de 2010.
Tags:
Fonte: SojaNet

Nenhum comentário