Publicidade

Enem reduz importância da produção brasileira de alimentos e coloca produtores como vilões

Publicado em 06/11/2012 07:21 e atualizado em 06/11/2012 10:27 1595 exibições
Na Folha de S. Paulo: Verdades gabaritadas - por Vinícius Mota, Secretário de Redação da Folha. Foi editor de Opinião e do caderno Mundo. Escreve a coluna São Paulo, na Página A2 da versão impressa.
As tecnologias aplicadas à produção de alimentos e a exploração empresarial da terra ajudam a tirar bilhões de seres humanos da miséria. Mas frustrou-se o aluno que, ao prestar o Exame Nacional do Ensino Médio neste fim de semana, tenha procurado uma resposta nesses termos. Nada disso. A expansão dos alimentos transgênicos está relacionada às "desigualdades sociais". Ponto para quem foi induzido a pensar de um só lado durante anos a fio nos bancos escolares.

Veja o artigo na íntegra no site da Folha de S. Paulo
Tags:
Fonte:
Folha de S. Paulo

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

2 comentários

  • Vilson Ambrozi Chapadinha - MA

    Li o artigo da folha,e tive que comentar neeste espaço,pois cita o Maranhão.Quebradeiras de coco no maranhão,só existe em verso e prosa e na cabeça destes ideólogos do pré muro.A exploração do côco,ou das quebradeiras de côco que enchiam de orgulho e eram a poesia do estado é coisa do passado.A nova geração não sabe e não quer manejar o cacete ,o de quebrar o côco.

    0
  • Emanuel Geraldo C. de Oliveira Imperatriz - MA

    > É por essa e outras que eu, Engº Agrº, produtor rural, oprimido com a inconstitucionalidade da FUNAI, oriento meus 02 filhos a NUNCA se meterem com produção de alimentos na Brasil. Faz vergonha!!!!!!!!

    0