Mulher do campo: verdadeira guerreira

Publicado em 08/03/2013 11:14
848 exibições
Por Rose Pondé
A participação da mulher na agricultura é cada vez maior. Elas deixaram de somente cozinhar o prato que vai para a mesa dos filhos; é comum encontrar mulheres que plantam, colhem e lideram as atividades relacionadas ao campo.

Sabe-se que a força feminina era maciça já nos tempos das cavernas.

Afinal, o marido saía para caçar e ela observava as sementes que caíam; finalmente, testaram e começaram a plantar.

Contudo, diferentemente de hoje, elas não lideravam.

A mulher de hoje não se satisfaz apenas em plantar o que alimenta o corpo, e sim apresentam-se como protetoras que estão excedendo as iniciativas dos homens na batalha diária para colocar o alimento na mesa. Desenvolve projetos que visam à melhoria da vida de todos. São grandes mães que aproveitam a energia das atividades já encontradas no acolhimento da família para amparar os mais desprovidos. Com isso, fortalecem a agricultura no campo beneficiando muitos além do círculo familiar.

A vitalidade da mulher na agricultura, a sua intuição, cuidado, sensibilidade, iniciativa, força e coragem, comuns nas mulheres empreendedoras, cria políticas públicas para diversas pessoas.
Tags:

1 comentário

  • Luciane Possan Weber guaíra - PR

    Parabéns mulheres agropecuaristas de todo o Brasil. Continuem valentes, guerreiras, poderosas.
    O campo precisa disso.

    0