Ao apoiar Serra, o Estadão estabelece novo marco para o jornalismo no Brasil

Publicado em 27/09/2010 16:40
844 exibições
São ainda remotas as chances de segundo turno nas eleições presidenciais, mas elas crescem no caso das eleições para o governo do RS.

É o que indicam as mais recentes pesquisas de intenções de votos (leia resultados, a seguir).

Os debates de TV agendados para estes últimos dias (domingo, na Record, e quinta na Globo) poderão mudar o cenário.

Neste final de semana, sem contar as novas e devastadoras reportagens publicadas pela revista Veja, denunciando mais uma vez o mar de lama que corre sob o governo do PT, o que mais chamou a atenção foi o editorial do jornal O Estado de São Paulo.

O jornal abriu apoio ao candidato José Serra.

O editor não tem notícia de que algum outro jornal brasileiro tenha feito isto, pelo menos depois que o estado democrático de direito foi estabelecido com a configuração de hoje no Brasil, em 1946.

A posição do jornal é saudável, corajosa e oxigena o ambiente político de maneira dramática, porque vai obrigar a imprensa brasileira a fazer o mesmo, caso esteja disposta a garantir o respeito da sociedade.

Não é mais hora de sustentar a dissimulação quando se trata de definir os destinos do Brasil.

. Jornais, revistas, rádios e TVs sempre tiveram preferências, mas preferiram tratar seus leitores, ouvintes e telespectadores como uma raça incapaz de entender a seriedade de definições claras de posições.

Abrir apoio a um candidato, como demonstra há muito tempo a imprensa americana, não significa abdicar da busca incessante da verdade, porque este é o maior compromisso dos veículos de comunicação e dos jornalistas.

O editor desta página, há muito mais tempo, abriu seu apoio ao candidato a José Serra - e fez isto de modo público. No caso do editor, como por certo no caso do Estado de São Paulo, nem por um só momento qualquer outro candidato terá seu espaço de notíciário ou manifestação reduzido, escamoteado ou tratado desigualmente.


CLIQUE AQUI para ler a íntegra do editorial.

CLIQUE AQUI
, também, para ler O corpo de Lula e o pacto social, de Tales Absáber, publicado no Estadão de domingo. Trata-se de uma instigante  análise sobre o pacto social que Lula estabeleceu entre ricos e pobres no Brasil. 
Tags:
Fonte: Polibio Braga

Nenhum comentário