Grande massa de ar seco atua sobre o Brasil

Publicado em 26/08/2013 12:28 e atualizado em 26/08/2013 17:08
1247 exibições

Previsão para os próximos dias no BrasilGrande massa de ar seco atua sobre o Brasil

* Durante essa semana uma grande massa de ar seco vai atuar sobre o Brasil. Esse sistema inibe a formação de nuvens de chuva. No mapa abaixo podemos ver a previsão de chuva para essa semana. Até terça-feira a frente fria que está no Sul ainda influencia o tempo na Região e em parte do Sudeste, mas sem grandes volumes de chuva.

Figura 1: Previsão de chuva acumulada no período entre 27 e 31 de agosto.


 

* Os acumulados de chuva atingem até 30 milímetros em toda a faixa leste do País, que vai desde o leste de Santa Catarina até o leste do Rio Grande do Norte. Pode até chover um pouco na Grande Belo Horizonte.

* Essa frente fria vem acompanhada de uma massa de ar polar forte, e para essa semana há previsão de geada em várias áreas da região Sul e no sul de Mato Grosso do Sul. A temperatura cai também no Estado de SP, nas outras áreas de Mato Grosso do Sul, no Rio de Janeiro, no centro-sul de Minas Gerais, de Goiás e de Mato Grosso.

Figura 2: Média da temperatura mínima no período entre 27 e 31 de agosto.

 

* Uma nova frente fria já está sendo esperada para a próxima semana, e volta a chover em todo o Sul do Brasil. Por enquanto a expectativa é que não chova tanto quanto nessa semana. A chuva também chega no leste e sul de São Paulo e no centro-sul de Mato Grosso do Sul.

Figura 3: Previsão de chuva acumulada no período entre 01 e 05 de setembro.


Análise das condições do tempo no Brasil na última semana: Chuva volumosa no Sul e no leste da Bahia

* A passagem de uma frente fria e a formação de áreas de instabilidade provocaram bastante chuva no norte do Rio Grande do Sul e no sul de Santa Catarina. Houve transbordamentos de rios na Grande Porto Alegre e a situação ficou bastante complicada. A figura mostra que os acumulados até o dia 25 chegaram perto de 100 milímetros entre o planalto gaúcho e a região serrana.

* Essa frente fria ficou bloqueada e não conseguiu avançar para o Paraná e para São Paulo. Até houve aumento de umidade, mas não houve chuva significativa.

* No leste do Brasil a intensificação dos ventos de leste (que sopram do mar para a costa brasileira) também ajudou a formar muitas nuvens. Choveu de forma significativa no sul da Bahia, com acumulados passando de 70 milímetros na região de Porto Seguro.

* Áreas de instabilidade continuaram ativas no Norte do País, provocando bastante chuva entre Roraima e o norte do Amazonas.

Figura 4: Chuva acumulada no período entre 19 e 25 de agosto.


 

 

Tags:
Fonte: Agroclima

0 comentário