DA REDAÇÃO: Nova frente fria já avança sobre a Argentina e deve chegar ao sul do país na próxima quinta-feira

Publicado em 25/07/2011 16:49 e atualizado em 26/07/2011 07:04 365 exibições
Clima: nova frente fria já avança sobre a Argentina e deve chegar ao sul do país na próxima quinta-feira(28). Bons volumes de chuvas devem ser registrados no RS e SC. Já no Sudeste, a semana vai ser de céu claro e temperaturas em elevação.
Uma nova frente fria já avança sobre a Argentina e deve chegar ao sul do país na próxima quinta-feira(28). Bons volumes de chuvas devem ser registrados no Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Os maiores acumulados devem ficar concentrados na região noroeste do Rio Grande do Sul, cujos volumes devem atingir entre 70 a 100 mm.

As chuvas também podem chegar ao norte do Espírito Santo no início desta semana. A frente fria que chegou no Estado e também em Minas Gerais no final de semana já provocou chuvas volumosas em algumas localidades. Segundo Fabiana Weycamp da ClimaTempo, o acumulado nessas regiões foi bastante elevado e superou todas as expectativas.

O tempo deve permanecer mais seco no norte do Paraná, com previsão de possíveis pancadas de chuva somente no sudoeste e sul do estado. Segundo Waycamp, os produtores do sul do Estado devem ficar atentos à distribuição da chuva nos próximos meses. A previsão é de que haja uma irregularidade das chuvas entre os meses de outubro a dezembro, cujo volume acumulado em outubro pode ficar abaixo das expectativas.

Já no Sudeste, a semana vai ser de céu claro e temperaturas em elevação. No centro-oeste, a previsão é de tempo seco, com pouca nebulosidade. O tempo deve ficar firme nesta semana, com possibilidades de chuvas leves no sul de Mato Grosso do Sul no sábado.

A situação não deve mudar no norte do país nesta semana, onde a estiagem deve prevalecer. No longo prazo, as chuvas podem ficar mais frequentes no extremo norte da região a partir de setembro.

Há previsão de uma nova frente fria para a primeira semana de agosto, acompanhada de uma massa de ar polar forte que irá provocar maior queda de temperatura e possíveis geadas principalmente na região sul do Brasil.

Tags:
Por:
Aleksander Horta e Marília Pozzer
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário