Fala Produtor - Mensagem

  • MARCOS HILDENBRANDT RONDONÓPOLIS - MT 13/03/2018 15:49

    O contrato de soja na B3 em reais poderia funcionar sim! Se é em dólar para atrair estrangeiros, não acredito que apenas isso os atrairá. Existem diversos outro fatores, principalmente liquidez.

    Somente um pequeno percentual de empresas brasileiras, como revendas que trocam insumos por soja, alguns poucos produtores e algumas empresas brasileiras operando, já bastaria: teríamos um contrato de soja em reais com uma certa liquidez e atenderia nossa necessidade.

    Os contratos de milho e boi gordo da B3 são em reais, estrangeiros não operam aqui, produtores muito pouco e, mesmo assim, vão muito bem: atendem quem quer especular ou fazer hedge.

    Porque a B3 não utiliza o antigo contrato de soja SFI, a mesma praça de Paranaguá como referência e o indicador medido pelo CEPEA e, apenas, transformá-lo em reais, ao invés de dólar, para experimentar?

    Para operações de hedge, evita o travamento do dólar, que também tem seu custo.

    Comentário referente a notícia: B3 pode ganhar espaço na comercialização da soja brasileira, com impasse nas relações comerciais entre China e EUA

    0