Fala Produtor

  • Marcos Vinícios contarini Cachoeiro de Itapemirim - ES 03/02/2020 14:17

    O comentário desse cidadão é um tapa na cara dos produtores!

    0
  • Jorge Amazilio teresani Artur Nopgueira - SP 03/02/2020 14:12

    Ah.....o que seria de nós sem os consultores???.....rsrsrrsrs

    0
  • Orlando Cesar Sinop - MT 03/02/2020 13:34

    Em acréscimo: para que se pesquise os efeitos das moléculas de fungicida, sugiro que a pesquisa alcance a soja "tiguera", que nasce em meio ao algodão que é plantado justamente no VAZIO SANITÁRIO DA SOJA, EM ÉPOCA DE SECA, sobre a qual são lançadas mais de 14 aplicações de fungicidas, exatamente os mesmos da soja.

    3
    • Orlando Cesar Sinop - MT

      Parabéns pela audiência (não sei se é assim que se fala para sites).... Já me ligaram "puxando a orelha" dizendo que a soja tiguera não é plantada. Retificando: ela nasce em meio ao algodão, é voluntária e surge em razão das sementes que caem quando da colheita..., além do que os meus dados estão errados (14 aplicações ): passam de 20, e no algodão se utiliza o dobro de fungicidas e inseticidas. Outra coisa: não há nada publicado pela Embrapa. Quando se faz determinado estudo, ele deve ser publicado em revista científica específica, e essa "coisa" que a Embrapa trouxe a público (e é coisa mesmo porque não publicada) não tem registro em lugar nenhum. A Embrapa foi convidada por várias vezes a participar das pesquisas. Nunca aceitou.

      3
    • AGRO É BRUTO Cacoal - RO

      Caro Orlando, seus argumentos não tem base científica. A Embrapa é respeitada no mundo inteiro como referência em agricultura. Seus boletins e revistas estão dispostas na internet caso tenha alguma dúvida. Deixe esse assunto para pesquisadores sérios e ministério público... (Será que o Sr. Orlando é formado em alguma coisa para sua opinião no assunto valer alguma coisa?)

      4
  • Orlando Cesar Sinop - MT 03/02/2020 13:30

    Tenho acompanhado de perto o assunto. Muito se fala, nada se mostra. Para qualquer técnico, por mais burro que seja, sabe que qualquer conclusão demanda premissas, ou seja, para se afirmar algo é necessário que se tenha comprovação, dados técnicos, pois quem julga por "ouvir dizer" é orelha, não juiz. As pesquisas são necessárias, seja para afirmar positiva ou negativamente sobre o aumento e diminuição da ferrugem asiática. Então, por que todos estão contra a realização de pesquisas para se saber - ou não - se fevereiro é o mês mais adequado para se plantar sementes de soja ( permissão concedida ao produtor pelo art. 10, da Lei de Cultivares - lei 9.456/97)?? Seria interesse de determinado setor - produtivo de sementes - para ceifar a concorrência ou interesse do setor de agroquímico, na mantença do limite de 31/12, época em que se despende quase o DOBRO de aplicações de fungicida? De todos os nomes de empresas de pesquisa citados - com destaque para a Embrapa com mais de 90 pesquisadores, quais desses nomes têm uma pesquisa para comprovar o que dizem em público? E digo a Embrapa porque se trata de órgão Estatal- mantido com os impostos que pagamos - que tem por finalidade a pesquisa, e, apesar da discussão se arrastar por anos, a Embrapa se mantém inerte, paralisada, limitando-se a dar "palpites" sem sustentação técnica palpável ou ao menos um "ensaio". Sugiro, então, já que o fato foi criado, que a Embrapa seja "carro-chefe" e partícipe das pesquisas que estão por ser feitas, permitindo, então, que seu nome não seja alterado para " Empresa Brasileira de Palpites Agropecuários" (pode ser "pitacos" também), já que em ciência, não há lugar para se afirmar algo sem o necessário pilar da pesquisa.

    5
    • Rodrigo Polo Pires Balneário Camboriú - SC

      Sr. Orlando, seu comentário é excelente. E longe de mim dizer que todos no setor público são incompetentes e verdadeiros analfabetos funcionais, mas bastaria um único pesquisador vir a público comentar a metodologia utilizada para embasar as afirmações de que fungicidas perdem poder de ação ano após ano e que proibir cultivos vai fazer com que recuperem essa ação perdida. Não sei o que temem, o lobby, a patrulha ou por estar recebendo algum cala-a-boca, ninguém diz nada. Pelas coisas que aprendi estudando, ainda na faculdade, não é necessário fazer pesquisas em campo aberto para testar fungicidas, se o fungo adquiriu ou adquire resistencia, é resistente tanto em ambientes fechados, laboratórios, como em ambientes abertos. Reitero seus apelos aos pesquisadores da Embrapa, nós pagamos o salário de voces para que não precisem se preocupar com pressões de grupos economicos e politicos..., no Brasil ainda que a esquerda tente, ainda temos liberdade de opinião e aqui ninguém pode ser punido por expressar o que pensa e sabe.

      2
  • Paulo Roberto Rensi Bandeirantes - PR 03/02/2020 07:07

    Desde idos tempos, escuto o ditado popular que diz: A vida não é fácil.

    Essa é uma realidade natural pois, desde que nascemos convivemos com toda sorte de outros microrganismos. Por sorte a maioria não é predatória.

    Só no nosso aparelho digestivo são na ordem de 35 TRILHÕES. Não é pouca coisa e, engraçado que não sentimos o peso dessa carga.

    Agora, voltando ao mundo visível. Por que a gente cria sistemas e aceita que seres da mesma espécie nos prejudiquem tanto?.

    Falo desse sistema que a nossa sociedade acha que é o melhor dos mundos, a "Democracia Representativa".

    É urgente a mudança. Não somos incapazes em definir como queremos viver. Chega de leis, normas e, todos os adjetivos usados na linguagem jurídica, para nos coagir a agir, exatamente contrários ao que está escrito. Para sermos taxados como "culpado".

    Vou tomar como exemplo uma lei que arrecada milhões por ano. Mas, ninguém a respeita (quando escrevo ninguém, aí incluem-se os PM quando estão dirigindo as viaturas). Acho que já descobriram pois, garanto que muitos dos leitores já viram PMs dirigindo viaturas FALANDO NO CELULAR.

    ENTÃO PARA ONDE VAMOS ???

    3
  • Alan Bernardes 02/02/2020 11:45

    Tava cometendo crime? Então é criminoso. Parabéns ao IBAMA...

    37
    • Marcelo Debastiani

      Achei que não tinha pena de morte no Brasil. Mas pelo jeito vc ja julgou e condenou o seu Chuiquinho, serrador de estacas há mais de 40 anos, pai de 5 filhos, que tentou correr após uma abordagem de fiscais do Ibama e polícia ambiental, que alegam que ele atirou,

      7
    • Marcelo Debastiani

      Porém até agora não conseguem nem mostrar que ele tinha uma arma consigo.

      A cidade de Rorainópolis perdeu um trabalhador de bem e aguarda que investigações sejam feitas pra que a verdade se apresente.

      6
    • Alan Bernardes

      Ué na favela quando q polícia é recebida a tiros, como ela revida? Alguém reclama? Então sem mimimi, rezando ele não estava.

      41
  • Alan Bernardes 02/02/2020 11:41

    Que absurdo. Esse governo quer transformar o produtor rural em vítima da sociedade. Tem que embargar e multar toda propriedade. O produtor sabe muito bem que está cometendo um delito e deve ser responsabilizado amplamente por tal. Os bons produtores não precisam temer. Uma vergonha a agricultura brasileira querendo sempre destruir o meio ambiente..

    54
    • carlo meloni sao paulo - SP

      Eu gostaria de perguntar para alguem que compartilha o NA e que tenha conhecimentos juridicos... E" possivel processar o fiscal na justiça civil que lavrou o embargo de forma errada ?? Temos muitos fiscais irresponsaveis como esse Alan, e isso aparece na consolidaçao dos resultados, onde, historicamente, somente 5% paga as multas... Precisamos reagir à açao desses canalhas que nao se importam com o prejuizo gerados por laudos levianos.

      1
    • Merie Coradi Cuiaba - MT

      Não sou advogada. Mas consultando parente meu que é advogado, ele falou que é possível SIM promover uma ação contra a União e contra o agente público. Demonstrado ao erro, imperícia ou extrapolou a lei, o funcionário público responde sim e terá que indenizar o proprietário. Aliás está na lei que toda vez que o Governo for condenado por ato lesivo de seus servidores, o Governo poderá buscar o ressarcimento junto ao funcionário público.

      1
    • Alan Bernardes

      What? Kkk fiscais como Alan??? Por isso a agricultura brasileira eh atrasada e não vai pra frente como poderia. Sempre a culpa é do fiscal. O produtor deve que tava orando na igreja. Pobrezinho...

      31
    • carlo meloni sao paulo - SP

      ALAN voce' e' um bobo ... e escrevendo mostra isso para todo mundo----Você nao e' fiscal mas a sua forma de pensar coincide com muitos fiscais da policia florestal que no laudo declaram a existencia de arvores de bioma protegido de forma FALSA---NAO SAO TODOS OS AGRICULTORES QUE SAO DELINQUENTES ASSIM COMO NAO SAO TODOS OS FISCAIS QUE SAO HONESTOS----E mais ainda vai escrever bobagens em outro lugar que este nao e' pra você

      2
    • Alan Bernardes

      Vou continuar escrevendo onde eu quiser. Se não gostou morde na testa. Existe fiscal corrupto msm vagabundos mas sabe pq? Pq tem produtos bandidos vagabundos que pagam propina aos fiscais, pra se safar. Moro na Amazônia, conhecimento de causa. Produtor não é vítima da sociedade. São muito bem renumerados por sinal na venda de sua produção. O bobo da corte é você que não sabe ter um olhar crítico e realista. Nunca nem deve ter pisado na Amazônia, diga-se de passagem

      28
    • carlo meloni sao paulo - SP

      Vai mostrar sua arrogancia e burrice, morador da Amazonia selvagem...

      4
    • Arlindo Pontremolez Varalta Ibirarema - SP

      Estimado Alan ...vc diz que a agricultura do Brasil é atrasada !!!? Só rindo mesmo .....seguramente a sua fonte de informacao deve ser o facebook da Manuela D Avila...

      1
  • Paulo Roberto Rensi Bandeirantes - PR 02/02/2020 04:13

    Engraçado, o comunismo foi implantado na Rússia no início do século XX, seguindo a doutrina de um alemão, Karl Max.

    Ocorre que, na mesma época, viveu com outro filósofo, de origem russa e, que era o seu maior adversário quanto a visão de mundo. Seu nome era Mikhail Bakunin.

    Ele era um opositor radical ao imperialismo russo da época. Sua vida foi entre fugas e prisões. Até que em 1868, se juntou a Associação Socialista Internacional dos Trabalhadores. Em 1872, no Congresso de Haia, foi dominado por uma luta entre os seguidores de Marx, que defendiam o uso do Estado para provocar o socialismo, e a facção anarquista de Bakunin, que argumentava em prol da substituição do Estado por federações locais de trabalho autônomos. A facção de Bakunin perdeu a contenda e, em seguida os seguidores de Marx conseguiram expulsá-lo da Associação.

    Segue um aforismo de autoria de Bakunin: "Se você pegar o mais ardente revolucionário, e investi-lo de poder absoluto, dentro de um ano ele seria pior que o próprio czar" (czar, traduzido é: imperador).

    A seguir um trecho escrito por Bakunin sobre as estratégias marxistas: "Assim, sob qualquer ângulo que se esteja situado para considerar esta questão, chega-se ao mesmo resultado execrável: o governo da imensa maioria das massas populares se faz por uma minoria privilegiada. Esta minoria, porém, dizem os marxistas, compor-se-á de operários. Sim, com certeza, de antigos operários, mas que, tão logo se tornem governantes ou representantes do povo, cessarão de ser operários e por-se-ão a observar o mundo proletário de cima do Estado; não mais representarão o povo, mas a si mesmos e suas pretensões de governá-lo".... Quem duvida disso não conhece a natureza humana.

    3
  • Roberto Cadore Cruz Alta - RS 01/02/2020 12:38

    A queda do preço da soja é apenas uma das consequências da epidemia desse novo coronavírus. Poderemos ter outras consequências, como o aumento do preço de insumos relacionados à atividade agrícola e industrial também. Afinal, quantas fábricas chinesas produzem ingredientes ativos de agroquímicos, defensivos e remédios???... Outras epidemias surgiram e foram controladas. Quanto tempo vai levar e quão lenta vai ser a recuperação econômica da China e dos seus parceiros globais???. Creio que hoje ninguém tem essa resposta.

    1
    • ari couto Bonfim - BA

      A China já prevê uma queda no PIB de 2%, o que não é pouca coisa. Seus investimentos até agora já superam os usd 12 bi e ninguém gasta tal quantia na luta como uma gripe qualquer..

      10
    • Heber Marim Katuete - PY - PI

      Eita país desgraçado... Sempre tem algo novo para se preocuparem e deixar o mundo com as barbas de molho...

      3
    • Luiz Alfredo Viganó Marmeleiro - PR

      Qualquer observador mais atento sabe que a China sempre foi um país oportunista e que sabe dar as cartadas certas no momento certo: Desde a morte de Mao, quando Deng assumiu o poder eles pensaram com sabedoria, própria dum pais de tradição e cultura milenar, projetando a volta do "Império do Meio" com calma e parcimônia. Podem crer que vão usar essa epidemia a favor do país, fortalecendo as decisões autoritárias (afinal ainda são e serão uma ditadura do proletariado lembram?), forçando a baixa das comodities que compra de nosotros, usando e abusando de restrições sanitárias pra barganhar no mercado internacional, e no final vão dar um tapa na cara de todos ao controlar a tal epidemia! O projeto de poder da China é no mínimo de domínio da Ásia, e eles vão manter isso nem que tenham que sacrificar milhões de pessoas na região contaminada.

      3
    • marco antonio stahlschmidt Araquari - SC

      Na Inglaterra o leite subiu 40 % neste final de semana por conta da saida da zona do euro, e pelo coronavirus,.....

      0
  • Alberto Ap. Pereira Nhandeara - SP 01/02/2020 08:29

    Cada coisa a gente tem que escutar.. todo ano a mesma ladainha.........

    0
  • Rodrigo Polo Pires Balneário Camboriú - SC 31/01/2020 19:02

    Eis o conservadorismo radical...Eles Sacrificaram suas Férias para Defender o Brasil contra o Socialismo Indigenista e Contam Como - https://www.youtube.com/watch?v=FXBFogyfuI8

    1
  • Valcir Raimundo Ghizzoni GENTIL - RS 31/01/2020 11:52

    Maikon Boff, que cultivar é a soja da tua foto?

    0
  • José Roberto de Menezes Londrina - PR 31/01/2020 11:44

    Os benefícios sociais, ambientais, econômicos e tecnológicos do milho safrinha e do algodão Olacir de Morais demonstram que a proibição burocratica do desenvolvimento tecnológico pode causar mais problemas que soluções. A ferrugem asiática é um problemas tecnológico as instituições deveriam dedicar mais tempo com o controle da doença, que com as barreiras burocráticas. Com esse posicionamento não teríamos o milho e o algodão safrinha. As normas sanitárias da ferrugem asiática é uma vergonha tecnológica.

    6
    • leandro carlos amaral Itambé - PR

      Engraçado começamos a colheita bolsa cai...soja baixa...estamos plantando safrinha ...dólar sobe....insumos sobem....

      0
  • Rodrigo Polo Pires Balneário Camboriú - SC 31/01/2020 06:28

    Ontem li um artigo do Antônio Pinheiro aqui no Noticias Agrícolas, muito bem escrito, em que ele de certa forma recomenda ao governo que combata núcleos nazistas e fascistas que estão se formando dentro do governo. Caso Ricardo Alvim tenha sido ingênuo, o jornalista não perdoa essa ingenuidade. Acredito que se ele fosse mesmo fascista e nazista, e é católico, faria como os esquerdistas e esconderia suas intenções ao mesmo tempo que faria um discurso contra o fascismo e contra o nazismo, sendo nazista e fascista. Além de Antônio Gramsci, conhecemos Saul Alinski e David Horovitz. Logo depois leio uma reportagem da Carla Mendes onde o artigo cita o ordenamento, que o governo chinês ordenou aos produtores chineses que produzam, mesmo sem insumos e sem poder fazer a entrega de seus produtos. A Inglaterra já matou sua população de fome com as corn laws que instituíam uma taxa de 30% sobre as importações de alimentos para proteger a oligarquia nobre dona das terras naquele país. Parece que o governo chinês acredita que no país deles isso vai dar certo, mas o bode é o tal vírus. Depois leio uma reportagem sobre o Cade na reuters. Os burocratas do Cade vão entrar com um processo contra a JBS e BRF por suspeita de formação de cartel devido a declarações publicas em um fórum ou evento. Não perco tempo pensando muito sobre isso, não é preciso, basta saber por exemplo que o Cade tem um conselho administrativo, é então assim uma espécie de órgão disciplinador. Ora, não é preciso ser gênio para saber que a única maneira de se combater carteis é através da concorrência. Existem concorrentes para essas duas empresas que agem dentro da legalidade? E que entre outras coisas retiraram bilhões de um banco público e pagaram a divida emitindo ações que foram compradas por esse mesmo banco? Sim amigos, o governo esquerdista através de um órgão público montou um cartel usando dinheiro publico e agora quer disciplinar esse cartel através da burocracia de um outro órgão publico também financiado por dinheiro público...Se bem que concordo com a finada Margareth Tatcher..não existe esse negocio de dinheiro público, existe o dinheiro do individuo que paga impostos.

    1
    • carlo meloni sao paulo - SP

      Sr RODRIGO ,,,,uma pequena curiosidade :: Claretta Petacci, companheira de Mussolini ate' o fuzilamento, era filha do medico do papa Pio Xll---

      0
  • davis nascimento gomes santa margarida - MG 30/01/2020 23:15

    Concordo com o nosso amigo, muitos pequenos produtores perderam toda a sua lavoura, principalmente nas cidades .santa margarida . manhuaçu. matipo. orizania. sao João do Manhuaçu .Luiz burgo. espera feliz... e outros

    0