Capim auxilia na recuperação de pastagens

Publicado em 14/12/2011 09:00 309 exibições
Projeto da Embrapa contribui para recuperação de pastagens em MT e pode ser alternativa de forrageira para integração entre lavoura a pecuária
A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), lançou uma variedade de capim que será uma nova alternativa para a recuperação de pastagens no sistema integração lavoura/pecuária. O BRS Piatã possui elevado valor nutritivo para o gado e é indicado para solos de média e alta fertilidade. Nessas condições, o capim produz forragem de boa qualidade e com acúmulo de folhas.

O Mato Grosso é um dos grandes produtores de carne bovina e o segundo exportador brasileiro do produto. Por conta disso, a Embrapa e a Associação para o Fomento à Pesquisa de Melhoramento de Forrageiras (Unipasto) desenvolveram o capim. A variedade poderá ajudar na recuperação das pastagens que sofreram degradação ao longo do tempo.

A nova cultivar tem alta taxa de crescimento e rebrota, além de resistência às cigarrinhas típicas das pastagens. Ela produz, em média, 9,5 toneladas por hectare de matéria seca, com 57% de folhas, sendo 36% dessa produção obtida no período seco. O novo capim também possui florescimento concentrado nos meses de janeiro e fevereiro, o que o torna uma ótima opção para ser utilizado como pasto vedado para a seca.

Tags:
Fonte:
MAPA

0 comentário