Senador Moka diz que Funai perde autonomia em MS para demarcação de terras indígenas

Publicado em 29/05/2013 07:31 572 exibições
Decisão foi tomada durante reunião entre ministra e comitiva do MS em Brasília. Ministra Gleisi Hoffmann pediu mapeamento de propriedades ocupadas. (No G1 MS)

A Fundação Nacional do Índio (Funai) perdeu autonomia para demarcação de terras indígenas em Mato Grosso do Sul. Decisão foi tomada durante reunião, na tarde desta terça-feira (28), em Brasília, entre a ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, parlamentares sul-mato-grossenses e produtores rurais.

Segundo o senador Waldemir Moka (PMDB-MS), os outros órgãos que deverão ser envolvidos no processo são: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) e Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

Durante a reunião, a ministra pediu mapeamento de propriedades rurais ocupadas por índios em Mato Grosso do Sul. Segundo a Federação da Agricultura e Pecuária do estado (Famasul), são 63 áreas ocupadas.  

O objetivo da comitiva sul-mato-grossense em Brasília era pedir a suspensão das demarcações de terras pela Fundação Nacional do Índio (Funai). “São áreas legítimas, com títulos centenários, e que a Funai está demarcando sem chance de haver avaliação de outras instituições”, afirmou o presidente da (Famasul), Eduardo Riedel.

Foram mais de duas horas de discussões com ministros e secretários, mas o desfecho não agradou. Os membros da comitiva esperavam que as negociações avançassem, mas alguma decisão só será tomada após análise de novos relatórios que devem ser encaminhadas pelos produtores rurais ao governo federal.

A bancada também alertou o Planalto sobre o não cumprimento de reintegração de posse – como na fazenda Buriti, em Sidrolândia, a 70 km de Campo Grande – e reivindicou a indenização dos proprietários que perderem as terras.

 

2601533.jpg
Tags:
Fonte:
G1 MS

1 comentário

  • Edison tarcisio holz Terra Roxa - PR

    os indios pode3m tudo no pt eles é quem mandan mas são mandados por ongs e loucos da igreja e iresponsaveis do desgoverno roubando o brasil

    0