Marina colabora para a disseminação de preconceitos contra o produtor, diz Sociedade Rural Brasileira

Publicado em 14/10/2013 09:10
663 exibições

Foi com estranheza e indignação que observamos as recentes declarações da ex-senadora Marina Silva para a imprensa nacional.
 
A Sociedade Rural Brasileira (SRB), entidade com 94 anos de trabalho em defesa da agropecuária nacional, não entende a intolerância e hostilidade dessa senhora com os produtores rurais e seus representantes políticos legitima e democraticamente eleitos.
 
Discriminar o mais moderno setor da economia brasileira, responsável por 1/3 do Produto Interno Bruto (PIB), 37% dos empregos, e pelo superávit de US$ 80 bilhões na balança comercial, não condiz com a postura que se exige de alguém que pleiteia ocupar o mais alto cargo da república.
 
De um estadista, espera-se a liderança política com sabedoria e sem limitações partidárias e/ou ideológicas. Principalmente, em um momento que o país prepara-se para revalidar a democracia.
 
Rotular o agronegócio como “atrasado” é desconhecer a realidade de um setor que apresenta taxas chinesas de crescimento e ímpeto americano de inovação, enquanto a maior parte da economia patina.
 
Deixamos claro que não há setores atrasados, há, sim, setores desprotegidos pela falta crônica de assistência técnica, crescente insegurança jurídica, falta de seguro para garantir a produção, entre outras mazelas.
 
Ao destratar o agronegócio, Marina colabora para a disseminação de preconceitos com relação ao produtor rural brasileiro, seja ele familiar, pequeno, médio ou grande.
 
Tais pronunciamentos só fazem aumentar a desproteção e a insegurança dos principais atores da mais moderna e eficiente agricultura tropical do planeta.
 
Exigimos respeito aos nossos agricultores e aos seus representantes, reunidos na Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA).
 
A Sociedade Rural Brasileira (SRB) está aberta ao diálogo para construir um país com mais igualdade e conhecimento.

Tags:
Fonte: Sociedade Rural Brasileira

2 comentários

  • diogo patua barreiras - BA

    O IDH de certos lugares do Brasil confirmam porque Marina Silva conseguiu ser senadora. Se tivéssemos um IDH um pouco melhor ela não conseguiria nem pra vereadora de bairro.
    Imaginem se o Brasil vier a ser governado por ela. Será a maior piada entre as lideranças Mundiais.

    0
  • Edison tarcisio holz Terra Roxa - PR

    éla vai alimentar o brasil com as matas vai equilibrar a balança comercial com folhas da amazonia os indigenas vão ocupar o exercito brasileiro

    0