Horário de verão começa domingo: adiante seu relógio em 1 hora

Publicado em 18/10/2013 10:51 893 exibições

Estados com horário de verão

Quando começa: 20 de outubro de 2013 
Estados RS, SC, PR, SP, RJ, ES, GO (+ DF), MT E MS  devem adiantar o relógio em 1 hora. 

Quando acaba: 16 de fevereiro de 2014
Estados  RS, SC, PR, SP, RJ, ES, GO (+ DF), MT E MS devem atrasar o relógio em 1 hora.

 

 

Implantado pela primeira vez no Brasil há 80 anos, a discussão entre os benefícios e os desconfortos causados pelo horário de verão ainda não foi encerrada. Há quem reclame da alteração no relógio biológico e de acordar quando ainda está escuro; há quem ame o happy hour com pôr do sol e fazer atividades físicas na rua depois do trabalho.

A medida, destacam as autoridades, diminui o risco de problemas no fornecimento de energia elétrica justamente no período em que a demanda cresce devido ao calor intenso e à produção industrial para o Natal. Com luminosidade natural por mais tempo, a concentração do consumo se dilui das 18h às 22h, evitando a sobrecarga no sistema.



Foto: Renato Araújo/Agência Brasil

 

Horário de Verão começa à 0h do próximo domingo

As populações das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste deverão adiantar seus relógios em uma hora a partir do próximo domingo, 20 de outubro de 2013. É quando começa a 38ª edição do Horário Brasileiro de Verão.

As estimativas de economia para a temporada 2013/2014 são da ordem de R$ 400 milhões, valor que corresponde ao acionamento de térmicas que deixam de ser ligadas para evitar sobrecarga no sistema. Além disso, cerca de R$4,6 bilhões precisariam ser gastos em investimentos em geração e transmissão, caso a medida não fosse adotada, para garantir o suprimento durante o período. "Não é o governo que economiza, é a sociedade", explicou o Secretário de Energia Elétrica do Ministério de Minas e Energia, Ildo Grudtner. "A energia elétrica é paga pela sociedade, então ela paga menos, graças a medida".

A redução da demanda no horário de ponta (entre 19h e 21h) é de até 4,5% (2.695 MW) e a redução no consumo de energia é da ordem de 0,5%. Nos últimos dez anos, a medida possibilitou uma redução média de 4,6% na demanda por energia no horário de maior consumo. "O horário de ponta ocorre porque é uma coincidência da entrada da iluminação pública com o consumo nas residências. A hora que as pessoas chegam em casa, daí ligam ar condicionado, televisão, abrem geladeira, vão pro chuveiro. É essa coincidência de consumo que faz o maior consumo nesse horário", explicou o secretário.

O Horário

A norma possui o objetivo de conscientizar a população em relação ao aproveitamento da luz natural, além de estimular o uso, de forma racional, de energia elétrica. Na prática, o adiantamento do horário em uma hora diminui o carregamento nas linhas de transmissão, subestações e nos sistemas de distribuição, de forma que, o atendimento em períodos de maior consumo ocorra com maior eficiência.

Período de vigência

O Decreto nº 6.558 de 2008 determina que a temporada para ajustar os ponteiros do relógio deve começar no terceiro domingo do mês de outubro, prolongando-se até o terceiro domingo de fevereiro do ano subsequente.

A medida também estabelece que quando a data de término coincidir com o feriado do carnaval, o encerramento se estende ao domingo seguinte.

Tags:
Fonte:
Ag. Brasil+ MME

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário