‘Agronegócio brasileiro precisa de planejamento estratégico’, diz Roberto Rodrigues

Publicado em 23/01/2014 07:52 1177 exibições
Segundo Roberto Rodrigues, ex-ministro da Agricultura, País tem tudo para ser soberano no setor mundialmente

Um levantamento realizado recentemente pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) aponta que para atender a população global de forma satisfatória, a oferta mundial de alimentos obrigatoriamente deve crescer 20% até 2020. Ainda baseado nas estimativas da entidade, a produção da União Europeia (UE) crescerá 4%, Estados Unidos (EUA) e Canadá 15%, China e Rússia 25% e o Brasil - para que a oferta atinja o número projetado – precisa ascender obrigatoriamente 40%.

Mas será o País capaz de atingir tais patamares nesse curto espaço de tempo? Segundo o ex-ministro da agricultura do Governo Lula (de 2003 a 2006) e Coordenador do Centro de Agronegócios da Fundação Getúlio Vargas (FGV), Roberto Rodrigues, "é possível, mas não é trivial". Rodrigues recebeu a FOLHA ontem no hotel em que estava hospedado em Londrina. Ele esteve na cidade para ministrar uma palestra acerca das perspectivas do agronegócio brasileiro e sua potencialidade no mercado mundial para as próximas décadas.

Leia a notícia na íntegra no site da Folha Web

Tags:
Fonte:
Folha Web

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário