Entidades do agro lançam plataforma de discussão sobre agrotóxicos com objetivo de debater o tema com a sociedade

Publicado em 23/04/2019 12:48
81 exibições
“Plataforma AgroSaber: a pior praga é a desinformação” - Objetivo é disponibilizar informações de forma simples e clara sobre defensivos agrícolas e discutir a importância desses produtos para a agricultura. O AgroSaber pode ser acessado pelo endereço www.agrosaber.com.br e nas redes sociais.

O AgroSaber é uma plataforma que busca debater temas relevantes para a alimentação e saúde com embasamento técnico. O objetivo é combater a desinformação e fake news sobre os assuntos que envolvem a produção de alimento e levar à população informação técnica e plural sobre a agricultura.

A primeira missão do AgroSaber e tratar dos defensivos agrícolas e o PL 6299/02, projeto de lei que vai garantir mais modernidade, segurança e transparência na aprovação de novos defensivos.

A plataforma é fruto de uma iniciativa conjunta entre a Associação Brasileira de Produtores de Algodão (Abrapa), a Associação Brasileira dos Produtores de Soja (Aprosoja Brasil), a Associação Brasileira dos Produtores de Sementes de Soja (ABRASS), Associação Nacional de Defesa Vegetal (Andef), a Companhia das Cooperativas Agrícolas do Brasil (CCAB Agro) e o Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Defesa Vegetal (Sindiveg).

O primeiro objetivo da plataforma é discutir, tecnicamente, a relevância dos defensivos agrícolas para a produção de alimento e seus reais riscos. “Os defensivos para soja já estão ficando defasados. Mas o que muitos não entendem é que a nova lei vai agilizar a entrada de novos produtos, mais modernos e eficientes, no mercado, e vamos poder usar menos doses e aplicações nas nossas lavouras”, afirma o presidente da Aprosoja Brasil, Bartolomeu Braz Pereira.

“Um assunto tão relevante para a qualidade da alimentação das pessoas não pode ser transformado em discurso ideológico nem ser debatido a partir de fake news. Por isso, sentimos necessidade de criar um espaço de conhecimento, onde os defensivos agrícolas possam a ser discutidos de forma técnica e científica”, acrescenta o presidente da Associação Mato-grossense do Algodão (AMPA), vice-presidente da Abrapa e um dos porta-vozes do campanha, Alexandre Schenkel.

Campanha multiplataforma

O tema teve grande destaque durante a primeira votação no Congresso no ano passado. A plataforma de conhecimento AgroSaber terá também forte atuação nas redes sociais e mídias tradicionais. Um dos conteúdos que certamente terá grande compartilhamento nas redes é a série de posts Verdades e Mentiras sobre os agrotóxicos.

Acesse o AgroSaber e confira! www.agrosaber.com.br.

 

Tags:
Fonte: Aprosoja Brasil

0 comentário