Ministra se reúne com Câmaras Setoriais e Temáticas para debater as prioridades de cada área

Publicado em 03/06/2019 11:28
69 exibições
Tereza Cristina disse que é preciso intensificar a participação das Câmaras na construção das políticas públicas do Ministério

A ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) participou nesta segunda-feira (03) da abertura da Conferência Nacional das Câmaras Setoriais e Temáticas do Mapa. O encontro reúne os 35 presidentes das câmaras para debater as demandas de cada setor.

À tarde, a ministra vai participar de reuniões com os presidentes das Câmaras Setoriais e Temáticas. Confira aqui a programação do evento.

A ministra destacou a intenção de intensificar a participação das Câmaras na construção das políticas públicas do Ministério. Segundo ela, é preciso aumentar a efetividade das câmaras e trabalhar os temas de forma estruturada. “Queremos desburocratizar e fazer as coisas caminharem”, disse.

Tereza Cristina também ressaltou a necessidade da participação das Câmaras na elaboração do Plano Plurianual, que estabelece os objetivos a médio prazo para a pasta. “Tenho certeza de que o PPA será muito mais rico do que se a gente fizer só aqui no Ministério”.

O secretário de Política Agrícola, Eduardo Sampaio, lembrou que as Câmaras devem focar nos assuntos sobre os quais o Ministério tem governança, como abastecimento, crédito rural, defesa agropecuária, cooperativismo, assistência técnica, pesquisa e inovação e abertura de mercado. “A nossa expectativa é que as Câmaras nos pautem e sejam propositivas especialmente nesses grupos de políticas públicas”, disse.

O diretor de Estudos e Prospecção, Luís Rangel, disse que é preciso estruturar as Câmaras para que elas consigam ter efetividade na formação das políticas públicas do Ministério. "É um processo complexo mas extremamente rico”.

O coordenador geral de Apoio às Câmaras Setoriais e Temáticas, Helinton Rocha, disse que o objetivo do encontro é fazer possíveis adaptações em prol da produtividade das Câmaras para que elas façam cada dia mais propostas exequíveis e que facilitem o processo decisório do Ministério da Agricultura.

As Câmaras reúnem entidades representativas de produtores, empresários, instituições bancárias e outros parceiros no setor, além de representantes de órgãos públicos e de técnicos governamentais. 

Tags:
Fonte: MAPA

0 comentário