CNA destaca importância da FAO em busca da segurança alimentar

Publicado em 06/11/2019 17:41
62 exibições

O 1º vice-presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil, Roberto Simões, representou a CNA em sessão solene na Câmara dos Deputados na quarta (6), em Brasília, para celebrar o Dia Mundial da Alimentação e os 40 anos da presença da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) no Brasil.

O evento reuniu representantes do governo, parlamentares e organismos internacionais. O autor do requerimento para a homenagem foi o deputado Padre João (PT/MG).

Simões destacou o alinhamento entre CNA, Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e a FAO na busca pela segurança alimentar com foco na superação da extrema pobreza, na gestão sustentável dos recursos naturais e no desenvolvimento do setor agropecuário, objetivos considerados prioritários tanto para a o organismo internacional quanto para o Sistema CNA/Senar.

“Estamos perfeitamente conectados com os objetivos do milênio”, ressaltou ele, que também é presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (Faemg).

O vice-presidente listou também, algumas parcerias com a FAO, como o Projeto de Recuperação de Áreas Degradadas na Amazônia (PRADAM), que dissemina práticas de Agricultura de Baixo Carbono (ABC) na região, além da discussão de iniciativas conjuntas de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) para produtores rurais.

Outra ação citada foi o lançamento do livro “Agricultura Irrigada Sustentável: Identificação de Áreas Prioritárias”, pela FAO, que ocorreu no espaço do Sistema CNA/Senar no 8º Fórum Mundial da Água, no ano passado.

O vice-presidente lembrou, ainda, que nestes 40 anos no Brasil, a FAO proporcionou programas para aperfeiçoar e modernizar a atividade agropecuária. “Essas iniciativas geraram incrementos tecnológicos ao produtor e permitiram sua manutenção no campo”, ressaltou.

“Entendemos que a Organização, assim como o Sistema CNA/Senar têm papel imprescindível de levar conhecimento e tecnologia ao campo e de debater políticas que contribuam para o desenvolvimento do agro brasileiro para juntos enfrentarmos os enormes desafios do setor”, concluiu Simões.

Já o 2º vice-presidente da CNA, deputado José Mário Schreiner, elogiou o trabalho da FAO durante estes 40 anos no Brasil na garantia da segurança alimentar em parceria com o governo e instituições ligadas ao agro.

Também discursaram na sessão solene, além de parlamentares, o representante da FAO no país, Rafael Zavala, o coordenador-residente da ONU no Brasil, Niky Fabiancic, e representantes dos Ministérios da Agricultura, Desenvolvimento Social, Agência Brasileira de Cooperação (ABC) e Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag).

Tags:
Fonte: CNA

0 comentário