Adubo está saindo mais caro para produtores de MT

Publicado em 30/03/2010 16:20 1211 exibições
Agricultor de Mato Grosso que até dezembro antecipou a corrida aos fertilizantes para a próxima safra de soja estão mais tranquilos porque o preço dos insumos, de janeiro para cá, ficou mais caro.

Segundo a Associação Nacional para a Difusão de Adubos (ANDA) que representa a indústria, a matéria-prima utilizada na produção dos insumos subiu muito no mercado externo desde o mês de janeiro, e o preço do fertilizante aumentou.

 Na região norte de Mato Grosso, por exemplo, a elevação chegou a 30%, e os agricultores que ainda não fecharam negócio começam a ficar preocupados.
 
O agricultor Mauri Joton diz que ainda não comprou o adubo que usará para plantar a soja do segundo semestre. No mesmo período do ano passado ele já havia comprometido algo em torno de 25 sacas por tonelada na troca por fertilizante.
 
“Hoje, vai estar custando oito sacas a mais a tonelada. Mas amanhã pode vir sendo dez ou 12 e até mais caro. A gente não sabe o que vai ser o futuro”, estima ele, quando sair às compras para a safra de soja 2010/2011.

Do outro lado da ponta, agricultores que anteciparam a compra de produtos fertilizantes se dizem mais tranquilos. É o caso do produtor Hernany Golo. Antes mesmo de colher a safra de verão deste ano Golo já tinha adquirido o adubo necessário para o plantio dos 1,2 mil hectares de soja que pretende cultivar na safra 2010/2011, que começa em setembro.

Para isso fechou negócio no dia 24 de dezembro do ano passado. No pacote, vai trocar os insumos por parte da produção. Ele contou que conseguiu economizar 10% em relação à safra anterior.
 
“Essa redução no custo, com certeza, vai ser uma rentabilidade a mais que a gente vai ter no final da safra. Sem contar que vamos correr menos risco porque estamos devendo menos soja para pagar o produto”, falou ele.

Tags:
Fonte:
Expresso MT

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário