Conab mapeia armazéns do RS

Publicado em 01/10/2010 08:23
272 exibições
A Conab fará o levantamento da estrutura de armazenagem privada do Estado. Com previsão de início para a segunda quinzena de outubro, os trabalhos fazem parte da atualização do Cadastro Nacional de Unidades Armazenadoras (Sicarm), que se dá em nível nacional. Para isso, a superintendência da Conab no RS (Conab/RS) e a Conab de Brasília colocarão em campo três equipes, cada uma composta por dois técnicos. O objetivo é atualizar o último levantamento, datado de 2008. "Temos uma demanda que não foi atendida. Precisamos concluir as regiões que faltaram e incluir os novos dados", disse o superintende da Conab no RS, Carlos Manoel Farias.

Os técnicos da estatal visitarão as unidades e cadastrarão as informações através de sistema digital, com a localização, as características técnicas e a capacidade do armazém. "As equipes analisarão a estrutura de conservação dos equipamentos e o governo passa a saber qual a situação dos armazéns e com o que poderá contar." Serão cadastradas pessoas físicas e jurídicas, públicas e privadas que possuem armazéns, sendo obrigatório prestar as informações aos técnicos da Conab para a certificação.

A maior concentração de armazéns no RS está na região Noroeste, que responde por 40,13% das capacidade estática gaúcha. "O Estado tem a vantagem de possuir armazéns muito pulverizados, o que possibilita a segregação", salienta o gerente do cadastro e de armazéns da Conab, Ricardo Thomé.

O Estado responde por 17,36% da capacidade estática nacional, com 4,3 mil unidades e capacidade para armazenar 23,61 milhões de toneladas, sendo 2,59 milhões de t convencional e 21,01 milhões de t à granel. Na safra 2009/10, o RS colheu 25 milhões de t de grãos.
Tags:
Fonte: Correio do Povo

Nenhum comentário