Atraso nos pagamentos: Proposta da Doux é viável, mas há risco

Publicado em 07/10/2010 08:23
398 exibições
A Fetag apresentou ontem (6) um parecer jurídico sobre a proposta da Doux Frangosul para acertar o atraso no pagamento de produtores de aves e suínos integrados, que chega a cem dias. Segundo o presidente da Fetag, Elton Weber, a conclusão é que a proposta não é isenta de risco, mas, frente à situação neste momento, é uma alternativa viável. A posição foi repassada à indústria e sindicatos de trabalhadores rurais. Weber enfatiza que o parecer servirá como orientação já que a decisão será de cada produtor.

Pela proposta, o agricultor tomaria o empréstimo bancário no valor que tem a receber da empresa, que seria avalista da operação, além de responsável pela quitação junto ao banco. Toda operação seria feita sob o guarda-chuva de uma cédula de financiamento. Weber salienta que, se a Doux não cumprir sua parte, será a primeira a ter problemas. O presidente da Acsurs, Valdecir Folador, pretende expor o parecer a suinocultores na próxima semana. Em sua opinião, a proposta é arriscada. "É um risco porque o verdadeiro tomador do crédito é o produtor."

A Doux divulgou nota em que informa que "com esta solução, que foi construída em conjunto com parceiros financeiros, os integrados terão os valores disponíveis em sua conta logo após a entrega de contrato de crédito". Apesar da proposta, a Associação de Criadores de Montenegro prepara para hoje manifestação. A caminhada sairá, às 7h, do Parque Centenário rumo à Doux.
Tags:
Fonte: Correio do Povo

Nenhum comentário