Exportações de milho crescem 29% no ano e somam 7,1 milhões de toneladas

Publicado em 04/11/2010 08:04
369 exibições
Os embarques de milho em outubro não repetiram o recorde de setembro, mas ajudaram o país a registrar um bom saldo acumulado nas exportações do cereal.

Os dados divulgados ontem pela Secex mostram que 1,6 milhão de toneladas de milho saíram pelos portos brasileiros, acumulando 7,1 milhões de toneladas de janeiro a outubro deste ano.

As exportações deste ano superam em 29% as de igual período do ano passado.

Os dados de ontem da Secex reafirmam também o bom momento do setor sucroalcooleiro. Após ultrapassar o setor de carnes "in natura", as vendas externas de açúcar e de álcool atingem US$ 10,7 bilhões no ano.

As carnes, considerando apenas o produto "in natura", somam US$ 9,1 bilhões.

As carnes bovina e suína praticamente mantiveram os volumes exportados em setembro, mas acumularam mais receitas. Já a de frango teve volume de 293 mil toneladas e receitas de US$ 491 milhões. O volume caiu 6% e as receitas, 5,5%.

O grande impulso das exportações brasileiras do agronegócio neste ano não veio apenas no volume exportado -que, em alguns casos, até caiu-, mas do aumento dos preços.

Vários produtos, como suco de laranja, café, celulose, carne bovina e milho tiveram aumentos superiores a 30% (em dólar) no mês passado em relação a igual período do ano passado.

Já a soja, carro-chefe das exportações, teve recuo de 2,7% nos preços médios no mês passado em relação a outubro de 2009, conforme os dados da Secex.
Tags:
Fonte: Folha de São Paulo

Nenhum comentário