Força emergencial para reestruturar produção agrícola na Região Serrana

Publicado em 17/01/2011 06:54 186 exibições
Técnicos da secretaria de Agricultura iniciam levantamento após a tragédia, nesta segunda.
Uma força emergencial de apoio à zona rural e reestruturação da produção agrícola na Região Serrana será criada nesta segunda-feira (17), para atuar nos municípios atingidos pelas fortes chuvas.

A informação foi passada pelo secretário estadual de Agricultura, Christino Áureo, que está em Teresópolis, e durante a tarde percorrerá áreas rurais em companhia do presidente da FAERJ - Federação de Agricultura do Estado, Rodolfo Tavares.

– Vamos enviar para a Região nossos técnicos do Programa Rio Rural, Defesa Agropecuária, Emater – Empresa de Extensão Rural, e Pesagro - Empresa de Pesquisa Agropecuária, para fazer um levantamento de toda a situação do setor após a tragédia. O objetivo é elaborar ao longo da semana um plano de ação para ser enviado aos Ministérios da Agricultura e do Desenvolvimento Agrário.

Ele acrescentou que, em contato telefônico na manhã de hoje, os Ministros Wagner Rossi e Afonso Florence se colocaram à disposição para apoiar a agricultura do Rio de Janeiro nesse momento difícil. Também se prontificaram a atender ao pedido do secretário Christino Áureo, encaminhado por orientação do governador Sérgio Cabral, solicitando a edição de Medida Provisória para tratamento diferenciado para a quitação de financiamentos rurais nos municípios atingidos, bem como o apoio direto aos produtores. A agricultura familiar predomina na Região, onde 17 mil produtores sobrevivem da atividade, movimentando R$ 850 milhões/ano.

Mais equipes e máquinas do Programa Estradas da Produção, que foram deslocadas de outras regiões do estado para as áreas afetadas, se juntaram nesta sexta-feira às 40 máquinas e caminhões que já estavam trabalhando na desobstrução de estradas e remoção de escombros, juntamente com o Corpo de Bombeiros e Defesa Civil.

Tags:
Fonte:
Jornal do Brasil

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário