Mentindo para vender jornal: A Folha de São Paulo e o desmatamento na Amazônia

Publicado em 02/07/2011 09:00 e atualizado em 03/07/2011 19:43 1439 exibições
por Ciro Siqueira
A Folha de São Paulo trouxe mais uma sofisma com jeitão de notícia sobre o desmatamento na Amazônia. O jornal sugere uma verdadeira epidemia de desmatamento químico grassando na Amazônia. Agora veja a patacoada do jornal: 
folha01.jpg
Clique na imagem para ver ampliada
Se você tem o Google Earth instalado em seu computador CLIQUE AQUI e veja onde fica esse desmatamento detectado pelo sistema de monitoramento do Inpe.

Esse desmatamento de 107,2 hectares detectado pelo sistema de monitoramento no dia 22 de maio de 2011 ocorreu dentro de uma área de mineração de bauxita. Foi desmatamento legal, autorizado pelo governo, feito com licença ambiental. Pior, o desmatamento ocorreu dentro do município de Paragominas, onde um pacto pelo desmatamento zero acabou com o desmatamento ilegal. Paragominas foi um dos primeiros municípios a zerar o desmatamento ilegal e é reconhecido por isso.

Mas o jornal trata como se fosse desmatamento criminoso inclusive associando indiretamente a prática com o desmatamento químico detectado pelo Ibama em um único ponto isolado em Rondônia. O jornal faz parecer que todos os desmatametno ocorridos nos útimos meses foram desmatamentos químicos, vendendo a idéia de que o problema é muito maior do que é de verdade.

Matérias como essa são replicadas aos milhares pelos idiotas úteis das ONGs. O jornal sabe que construir esse tipo de sofisma fará com que as ONGs usem seu aparato nas "redes sociais" para linkar o artigo e não tem escrúpulo de sofismas em troca de audiência.

Eis aí no que a nossa imprensa está se tranformando. A Folha está cosntruíndo "verdades" falsas para, como se dizia antigamente, "vender jornal".

Se você não tem o Google Earth instalado veja aqui alguns prints

folha02.jpg
Clique na imagem para ver ampliada
folha03.jpg
Tô com uma curiosidade danada pra ver se o sistema de monitoramento do desmatamento do Imazon vai pegar esse spot de desamento em Paragominas ou se o sistema deles só pega desmatamento onde é do interesse deles que o desmatamento apareça, como a região de Belo Monte e das usinas hidroelétricas do Rio Madeira.
Tags:
Fonte:
Blog CodigoFlorestal.com

1 comentário

  • Petronilha Batista Muzambinho - MG

    Acho que os jornalistas da folha de são paulo não comem, a impressão do jornal deve ser feito em algum material que não foi retirado da natureza, e as roupas que usam não são de nenhum material vindo do meio ambiente, além do que claro os sapatinhos deve ser de que material mesmo??? o pior é o cerebro destes amigos da natureza, será que algum deles já esteve em uma aldeia no país , o nosso índios estão deseperados por qualidade de vida, em 2011 ninguem é mais ignorante, quer plantar, ter dinheiro e acesso a qualidade de vida e progresso meus caros tem seu preço, ou em algum pais do G7 ainda tem floresta nos seus grandes centros, melhor uma árvore caida que comida cara como é neste pais que alimenta o mundo barato e sua população morre de fome. pensem queridos e inteligentes jornalistas

    0