Quase metade da agroprodução passa por cooperativas

Publicado em 20/07/2011 09:15 342 exibições
Muitos não sabem, mas aquele iogurte fresquinho tomado pela manhã, o filé de frango do almoço e o cafezinho da tarde são originários de cooperativas, agentes de produção fundamentais para o abastecimento do mercado doméstico. E não é somente isso, a dimensão que o setor representa é bem maior: praticamente 50% de toda a produção agro do País passa, direta ou indiretamente, por uma cooperativa. No setor de lácteos, por exemplo, o movimento é responsável por cerca de 40% do leite sob inspeção.

As cooperativas agro são organizações criadas por iniciativa dos próprios produtores rurais, que se unem com um interesse em comum. Juntos, eles podem comprar insumos a preços menores e vender seus produtos em quantidades maiores.

Hoje existem 1.548 cooperativas agropecuárias que, em 2010, geraram uma receita de US$ 4,417 bilhões em exportações. O crescimento foi recorde, de 21,76%.

Mas o setor também busca novas oportunidades de negócios, nos países árabes, por exemplo, e mantém as relações comerciais com mercados tradicionais de destino, como China, países da União Europeia e Estados Unidos.

Da mesma forma que ocorre nas cidades, o cooperativismo no campo integra pessoas, simultaneamente, no mercado de trabalho e na sociedade. Hoje, as cooperativas agropecuárias agregam praticamente um milhão de associados. Se levarmos em consideração as famílias desses cooperados, são pelo menos três milhões de pessoas beneficiadas. Já os empregos diretos gerados pelo segmento chegam aos 146 mil.

Principais números do agrocooperativismo:

- 1.548 cooperativas agropecuárias
- 943.054 associados ao cooperativismo agropecuário
- 146 mil empregos diretos
- 3 milhões de brasileiros envolvidos no agrocooperativismo
- US$ 4,417 bilhões exportados em 2010
- 37% do PIB agro
 

Tags:
Fonte:
OCB

0 comentário