Carnes: Termina nesta quinta-feira prazo para Rússia decidir sobre embargo ao Brasil

Publicado em 21/07/2011 07:21 e atualizado em 21/07/2011 10:59 458 exibições
O prazo estabelecido para Moscou suspender ou manter o embargo à entrada de carnes de 85 estabelecimentos frigoríficos brasileiros acaba hoje. Até o horário do fechamento desta edição, os russos não haviam se pronunciado. Oficialmente, os russos não têm vinculado a liberação das carnes brasileiras à conclusão de um acordo bilateral pela qual o Brasil apoiará a entrada da Rússia na Organização Mundial do Comércio (OMC).

A expectativa em áreas do setor privado, em todo caso, é de que a liberação do produto brasileiro ocorra pelo menos até a conclusão da rodada de negociações em Genebra, que começaram hoje e prossegue pela semana que vem.

Moscou está negociando com os principais parceiros, incluindo o Brasil, e um dos entraves são questões sanitárias. Os russos querem ter o direito de adotar medidas que chegam a ser mais duras que as regras harmonizadas internacionalmente.

Na questão sanitária, que levou Moscou a embargar as carnes de 85 estabelecimentos brasileiros, os russos não dão nenhuma garantia de que, se chegarem a um entendimento na OMC, suspenderão o embargo ao Brasil. Como nada impede que suspendam as restrições e depois voltem a impô-las.

O setor privado quer uma solução rápida. "A Rússia é o melhor parceiro do Brasil. É país que compra e paga, e quem compra e paga tem preferência", diz Antonio Camardelli, presidente da Associação Brasileira dos Exportadores de Carnes (Abiec).

Tags:
Fonte:
Valor Econômico

0 comentário