Excesso de chuva atrapalha o cultivo da canola no RS

Publicado em 06/09/2011 09:15 266 exibições
O amarelo da lavoura esconde a preocupação de agricultores como Edevaldo Lago, produtor do norte do estado. A lavoura de dez hectares ainda está na fase de floração, resultado de vários dias úmidos e do clima fechado durante os meses de julho e agosto.

Nesta safra, a área semeada no Rio Grande do Sul é de 33,5 mil hectares. Nos últimos dois meses, choveu quase o dobro do esperado para o período, o que afetou diretamente o desenvolvimento da planta. Foram 594 milímetros de chuva, contra a média histórica, que é de 318.

Com o atraso, a abertura da safra nacional, marcada para 22 de setembro, foi transferida para 4 de outubro, uma tentativa de garantir a produtividade esperada. “Nós acreditamos que pela característica que a cultura tem de ter uma capacidade compensatória, ela consiga, em condição climática favorável, recuperar o atraso e possível impacto na produtividade”, explica o engenheiro agrônomo Fábio Benin.

Tags:
Fonte:
Globo Rural

0 comentário