Grãos: preços oscilam nesta quarta-feira em Chicago

Publicado em 07/09/2011 13:52 e atualizado em 07/09/2011 14:24 886 exibições
Fundos de commodities mudam de posição nesta quarta-feira, 7 de setembro, na Bolsa de Chicago. Depois de uma terça-feira de queda, devido ao pânico no mercado financeiro, pela madrugada da quarta-feira houve recuperação de 7 cents para os principais vencimentos da soja. Notícias vindas da Alemanha de que haverá investimentos para assegurar a recuperação da Grécia, e expectativa nos EUA de que o presidente Barack Obama anuncie um pacote de US$ 400  milhões para recompra de títulos da dívida, manteve os preços em alta na Bolsa americana.

Mas por volta do meio-dia (hor. de Brasília) houve mudança de direção nos negócios, pois os fundos começaram a olhar com mais atenção a recuperação no setor financeiro. Com poucos negócios, e dólar em alta, preferiram realizar lucros no mercado agrícola, e colocar dinheiro em ações. Com isso as cotações da soja recuaram para o vermelho. Por volta das 14 horas o vencimento setembro perdia 3,5 cents (com o buschel sendo negociado a US$ 14,10). 

Apesar da volatilidade, permanecem os fundamentos de altas para os grãos, pois as previsões da meteorologia indicam que os próximos 10 dias serão de clima incerto para a lavoura norte-americana, com chuvas espalhadas pelo Corn Bealt. Fora isso o USDA (Departamento de Agricultura) relatou na tarde de terça-feira mais um recuo nas condições das safras de soja e milho nos Estados Unidos  (-1% para a soja e -2% para o milho).

Os estoques mundiais permanecem baixos, as compras da China continuam regulares, e no Brasil a meteorologia indica um começo de safra muito semelhante ao que aconteceu na safra passada: muita chuva no Sudeste, dificultando o plantio (por falta de janelas de sol), enquanto no Brasil-Central e Centro-Oeste atraso na chegada das chuvas  plantadeiras. Os negócios no interior do Brasil estão paralisados desde terça-feira (devido ao recuo nas Bolsas) e com o feriado da Independência nesta quarta-feira. No MT preços giram em torno de R$ 44, enquanto no Paraná a saca sai por volta de R$ 48,00.


Tags:
Fonte:
redacão NA

0 comentário