Produtor Rural de MG: entregue ao IMA as embalagens de vacina contra aftosa

Publicado em 20/10/2011 10:10 326 exibições
O Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) recomenda aos produtores da região Governador Valadares (Vale do Rio Doce) que entregue as embalagens vazias de vacina contra aftosa nos escritórios do IMA. A ação dará continuidade ao Projeto Vacinação sem Resíduos.

O Projeto cria um ambiente sustentável na região, aproveitando a segunda etapa da Campanha Nacional de Erradicação da Febre Aftosa, que acontecerá no mês de novembro. Dessa forma, o IMA vai impedir que frascos sejam jogados no meio-ambiente a cada campanha de vacinação. Todo o material recolhido será enviado para reciclagem.

Desde maio de 2011, o IMA desenvolve o projeto de recolhimento de embalagens vazias de vacinas contra a febre aftosa na região de Governador Valadares. Na etapa de maio, foram recolhidos 11.424 frascos vazios de vacina contra febre aftosa.

Trata-se de uma ação ambiental, com a finalidade de reduzir impactos causados pelas atividades agropecuárias. Os produtores rurais podem dar uma destinação aos frascos de vacina contra a febre aftosa após a aplicação. Além de levar a nota declarando a compra da vacina deverá o pecuarista poderá entregar a embalagem vazia.

Após serem entregue nos escritórios do IMA, os frascos serão encaminhadas à Central de Recolhimento do Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (Inpev), em Manhuaçu.

O diretor-geral do IMA, Altino Rodrigues Neto, explica que a intenção é expandir o Projeto para outras regiões de Minas Gerais. “A partir de 2012, nossa intenção é ampliar o Vacinação Sem Resíduos para todo o estado, envolvendo um maior número de propriedades”, esclarece.

A região de Governador Valadares possui 21 mil propriedades pecuárias, com aproximadamente 1,3 milhão de animais. A estimativa é que anualmente a vacinação gere o descarte de 1,5 tonelada de frascos vazios, considerados resíduos prejudiciais ao meio ambiente por conter produtos químicos e poluentes.

Tags:
Fonte:
IMA

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário