Algodão: Aumento de área nos EUA pode impactar no mercado brasileiro

Publicado em 08/04/2014 10:49 698 exibições

Com expectativa de 4,5 milhões de hectares a serem semeados segundo o USDA, a safra 2014/15 deve ser de recuperação de área nos Estados Unidos. Com aumento de 6,7% em relação à safra anterior, um incremento de área que não ocorria desde o aumento de 34% de 2010 para 2011. Este incremento é explicado pelos preços do milho, que estão menos atrativos que o do algodão neste país, impulsionando assim a sua área, já que essas culturas são concorrentes. O Texas, com 2,6 milhões de hectares, deve  ser responsável por 58% da área de algodão norte-americano. Paralelamente a isso, a pluma da safra 2012/13 já se encontra com 97% comercializada, com elevação mensal de 1,4p.p.. Já a comercialização futura da pluma de algodão safra 2013/14 atingiu 51% das 902.542 toneladas previstas em Mato Grosso. Com avanço mensal registrado de 1,3 p.p., o Estado comercializou aproximadamente 12 mil toneladas de pluma, que em sua maioria foram envolvidas em negócios pontuais, apenas para reposição imediata das indústrias. Com esse novo número de área, os produtores de MT devem ficar atentos ao mercado, pois isso pode impactar negativamente nos preços dos 49% da safra que falta ser comercializada.

Leia o boletim na íntegra no site do Imea

Tags:
Fonte:
Imea

0 comentário