Brasil retoma o embate do algodão

Publicado em 13/05/2014 16:03 532 exibições

Se não receber uma proposta de acordo dos Estados Unidos sobre o contencioso do algodão até junho, o Brasil promete recorrer à Organização Mundial do Comércio (OMC) e abrir um novo painel. O governo pretende contestar também a reforma da política agrícola americana, aprovada em fevereiro deste ano. Na avaliação de entidades do setor, a Farm Bill causaria ainda mais distorções no mercado internacional. Só na cotonicultura, a Associação Brasileira de Produtores de Algodão (Abrapa) estima que vai deixar de gerar 8 mil empregos e ter prejuízo anual de US$ 335 milhões.

Leia a notícia na íntegra no site Gazeta do Povo

Tags:
Fonte:
Gazeta do Povo

0 comentário