Algodão: Com quedas externas, preços recuam com força no BR

Publicado em 06/08/2014 10:05 580 exibições

As cotações de algodão parecem não encontrar suporte. Nos primeiros três dias úteis de agosto, a queda já atinge quase 2%, tendo como base o Indicador CEPEA/ESALQ com 8 dias para pagamento. Em julho, o recuo foi de 11%, acumulando perdas anuais na casa dos 21%. Agora, todas as regiões brasileiras estão com patamares de valores inferiores ao preço mínimo oficial. Na terça-feira, 5, o Indicador CEPEA/ESALQ com pagamento 8 dias fechou a R$ 1,6609/lp, recuo de 4,2% frente à terça anterior, 29 de julho. Em julho, a baixa chegou a 11,14%. A média de julho/14, de R$ 1,8217/lp, foi 4,9% inferior à de junho/14 e 14% abaixo da de julho/13 em termos nominais. As quedas internas têm sido ocasionadas pelos menores valores do índice Cotlook A e dos contratos na Bolsa de Nova York (ICE Futures).

Tags:
Fonte:
Cepea

0 comentário