Clima ajuda e futuros do algodão sobem em Nova York

Publicado em 09/09/2011 08:07 309 exibições
Os contratos futuros do algodão subiram na quinta-feira para o maior patamar em dois meses, na medida em que a safra do Paquistão, o quarto maior produtor mundial, poderá sofrer com o excesso de chuvas. Com isso, a oferta internacional da fibra deve ser impactada, já que a produção de algodão americana também padece com o clima seco nas regiões produtoras dos EUA. "Além da preocupação com a safra americana, o clima no Paquistão, Índia e China também comprometerá a lavoura", disse Sharon Johnson, analista da Penson Futures, à Bloomberg. Em Nova York, papéis para dezembro ficaram em US$ 1,1363 por libra-peso, com alta de 329 pontos. No mercado interno, o indicador Cepea/Esalq para a libra-peso ficou em R$ 1,7164, recuo de 0,34%.
Tags:
Fonte:
Valor Econômico

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário