Boi MT: Mais de 45% dos bovinos abatidos foram fêmeas

Publicado em 04/02/2014 09:23 611 exibições

A participação das fêmeas no abate total de Mato Grosso encerrou o ano de 2013 com o terceiro registro de um descarte excessivo de matrizes de bovinos. Quando é considerado o abate recorde de 2013 (6,04 milhões de cabeças), 45,78% do total de bovinos que preencheram a linha de matança foram fêmeas - é o terceiro ano consecutivo na casa dos 45,00%. No médio/longo prazo os efeitos de menos fêmeas parindo serão sentidos, porém, de imediato o que se viu foi uma redução nas cotações das fêmeas que, em média, são 9,46% mais baixas que as cotações do macho em Mato Grosso. É sentimento geral do mercado que neste ano não serão vistas muitas fêmeas preenchendo as escalas de abate da indústria frigorífica e as sondagens do Imea durante janeiro/14 flagraram relatos que foram ao encontro dessa expectativa. Prova disso é a valorização da fêmea no início do ano e a consequente diminuição da diferença entre os preços do boi gordo e da vaca gorda para níveis abaixo da média histórica. Deste modo, parece que em 2014 a oferta curta de vacadas efetivamente acontecerá, com os primeiros sinais sendo emitidos já no início deste ano.

Leia o boletim na íntegra no site do Imea

Tags:
Fonte:
Imea

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário