Boi MT: Rebanho deve ter terceira queda consecutiva no estado

Publicado em 10/06/2014 08:37 510 exibições

O elevado abate de fêmeas acompanha a bovinocultura de corte mato-grossense há pelo menos três anos, com fortes indícios de que ele vai continuar. É claro que fazer a análise com dados até o quinto mês do ano pode parecer precoce em virtude do descarte de fêmeas que não emprenharam na estação de monta, mas a história sempre traz lições e o que foi aprendido em anos anteriores se confirma nas etapas da vacinação do rebanho bovino em novembro, isto é, redução no rebanho. Em números, de janeiro a maio de 2014 foi abatido um total de 1,18 milhão de cabeças de fêmeas bovinas, 8,77% menos que no mesmo período de 2013, o que seria ótimo, mas não é porque o abate de fêmeas não cede a patamares abaixo de 200,00 mil cabeças por mês, número que é comparável ao dos anos em que houve redução no rebanho bovino mato-grossense. Assim, o sinal foi dado, os números estão se revelando ao mercado, existindo a possibilidade real de ser vivenciada a terceira queda consecutiva no rebanho bovino em Mato Grosso.

Leia o boletim na íntegra no site do Imea

Tags:
Fonte:
Imea

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário