Em Rondônia, bezerro de ano valorizou 45,2% em um ano

Publicado em 20/01/2015 10:18 148 exibições

A procura pelos animais de reposição em Rondônia está crescente devido ao período de regularização das chuvas e da consequente melhora dos pastos, cenário que motiva o pecuarista a repor os animais.

Este quadro tem movimentado o mercado de reposição e é o que segura os preços firmes no estado.

Assim, na média de todas as categorias de machos anelorados, as cotações estão 1,5% maiores em relação à média de dezembro último.

Frente a janeiro do ano passado, a valorização foi de 41,7%. O bezerro de ano (7,[email protected]) foi a categoria que liderou as altas e subiu 45,2% no período.

O boi gordo subiu menos em um ano, 29,5%, fato que diminuiu o poder de compra do pecuarista em relação a todas as categorias, mais especialmente para o bezerro de ano, que subiu em maior proporção.

Com a reposição mais cara, o produtor necessita vender mais animais terminados para comprar a reposição.

Atualmente, é possível adquirir 1,87 bezerro de ano com a venda de um boi gordo de 16,[email protected] no estado, sendo que no ano passado o pecuarista comprava 2,09 bezerros quando vendia o mesmo boi gordo.

Tags:
Fonte:
Scot Consultoria

0 comentário