Boi MT: Imea destaca a importância do hedge aos pecuaristas do estado

Publicado em 23/08/2016 09:40
110 exibições

O hedge é um mecanismo ainda pouco utilizado pelos bovinocultores de Mato Grosso, e o aproveitamento de suas ferramentas, como os contratos a termo com frigoríficos e as operações na BM&F/Bovespa, é baixo e, em anos como 2016, vê-se a necessidade de expansão dos conhecimentos sobre ele. A importância da noção sobre o hedge ganha destaque quando se vislumbra a variação dos preços.

Para se ter uma ideia, o contrato de boi gordo mais negociado na BM&F é o com vencimento para outubro/16, e suas oscilações foram fortes nos últimos três meses, após atingir a máxima de R$ 167,24/@, no dia 17/05/2016, a cotação deste caiu 8,42%, atingindo R$ 153,16/@, no dia 18/08/2016. Essa desvalorização também atingiu o mercado físico, no entanto, os bovinocultores que realizaram hedges em maio “garantiram” melhores preços do que aqueles que deixaram para realizar a venda no atual momento, ressaltando a importância de tal mecanismo.

Clique AQUI para ler o boletim semanal do Imea na íntegra

Tags:
Fonte: Imea

Nenhum comentário